Culinária Datas festivas

Osechi: ceia japonesa de Ano Novo

Osechi (Foto: Wikimedia Commons)

Composta por uma grande variedade de pratos, Osechi é uma espécie de ceia tradicional, que é preparada durante o Ano Novo Japonês, chamado de Oshougatsu.

Atualizado em 27/12/2016 – 09h21


Os alimentos do Ano Novo no Japão são chamados de Osechi-ryori, uma espécie de ceia tradicional da época, sortida com saborosos pratos coloridos acondicionados em caixas laqueadas, chamadas de jubako.

Os tipos de pratos que compõem o osechi, que são preparados nos lares japoneses, variam de região para região. Os pratos mais comuns são: kobumaki (rolos de kombu cozido), kuromame (diz-se feijão preto japonês que na verdade é um tipo de soja), kurikinton (batata doce amassada com castanhas), tazukuri (sardinhas secas cristalizadas), entre outros.

O gobo (bardana), renkon (raízes de lótus) e camarões são geralmente usados como ingredientes. Além disso, vários tipos de ozooni ou zoni, sopa de bolinho de arroz (mochi), são também comumente consumidos durante o feriado de Ano Novo, chamado no Japão de Oshougatsu ou somente Shogatsu, em linguagem informal.

Cada prato de osechi tem algum significado como, por exemplo, boa saúde, boa colheita, felicidade, prosperidade, vida longa, etc.

Diz-se que pratos coloridos de amarelo e ingredientes como kazunoko (ovas de arenque) simbolizam prosperidade e que vários feijões (mame) implicam em desejo de boa saúde. Além disso, comidas coloridas de vermelho, rosa e branco, como kamaboko (bolo de massa de peixe) fatiados, representam as cores da celebração.

Tradicionalmente, os japoneses costumam terminar o preparo dos pratos osechi na véspera de Ano Novo para manter a comida ao longo do feriado Oshougatsu, que tem uma duração um tanto complicada, variando de região para região. Contudo, o feriado compreende entre o primeiro dia do ano até o dia 03 de janeiro, com as pessoas voltando ao trabalho no dia 04, mas outros desfrutam a partir do dia 30 de dezembro até o dia 03 ou 04 de janeiro, com alguns podendo prolongar até o dia 07 de janeiro.

Atualmente, muitas pessoas compram os osechi prontos em lojas ao invés de prepará-los em casa, isso porque os pratos que compõe esta ceia tradicional são bem variados, o que torna um trabalhoso e demorado para preparar, até mesmo para os próprios japoneses.

Em todo o Japão, existem empresas especializadas na venda das iguarias típicas do Oshougatsu, além de supermercados e lojas de conveniência, que ficam incrivelmente sortidas com os pratos coloridos nessa época do ano.

É possível também encomendar os pratos da ceia Osechi-ryori previamente embalados nas caixas jubako. Um conjunto de jubako é constituído de 3 a 5 caixas de formatos quadrados, hexágonos, octógonos ou redondos, que se encaixam uma sobre a outra, e possui uma tampa para ser colocada no topo.

As caixas  jubako são comumente utilizadas em ocasiões especiais e datas festivas (os chamados sekku), como o tanabata. Mas há quem as utilize de forma simples, como nos famosos piqueniques durante a floração da cerejeira.

Por Maria Rosa
Principais fontes de pesquisa
Livro: História da cultura japonesa | Autor: José Yamashiro
Livro: Japan – Dictionary Culture and Civilization | Autores: Frederic Louis David and Alvaro Iwang
Site: Embaixada do Japão no Brasil
Site: Museu Nacional da Gastronomia de Aichi

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários