Costumes Datas festivas

Veja o calendário 2015 de floração das cerejeiras nas cidades japonesas

Veja as datas da floração das cerejeiras, bem como a melhor época para contemplação, nas principais cidades do Japão.

Do Mundo-Nipo

A floração das cerejeiras (hanami, em japonês) no Japão acontece após o inverno no país, no final do mês de março e início do mês de abril, quando começa a primavera no hemisfério norte. É um espetáculo de curta duração (cerca de duas semanas), por isso, os locais em que há grande concentração dessas árvores, cuja a flor (sakura, em japonês) é considerada símbolo nacional da primavera japonesa, atrai um grande número de pessoas entre japoneses e muitos turistas, que visitam o país para aproveitar esse espetáculo único da natureza.

As árvores de galhos finos dessas árvores de médio porte ficam cheias de pequenas flores brancas e, dependendo da espécie, podem ser rosadas. Quando a brisa passa por elas, uma chuva de pétalas encanta os visitantes e recobre o chão com um tapete precioso.

Em todo o país, os japoneses realizam uma verdadeira celebração, levando tapetes e esteiras para forrar no chão, onde compartilham alimentos e bebidas, como num piquenique sofisticado. Famílias, amigos, e também profissionais engravatados lotam os parques. Quem não pode conferir o hanami durante o dia, pode vê-lo a noite, onde a movimentação continua.

Hanami Matsuri (Foto: Shimagua/Flickr)

Na Primavera, todos os locais em que há grande concentração de árvores de cerejeira atrai um grande número de pessoas (Foto: Shimagua/Flickr)

 

Realizam-se casamentos sob as cerejeiras, assim como leituras de poemas e outras atrações tão delicadas e românticas quanto o próprio hanami.

Não é a toa que a floração dessas árvores é celebrada há muito tempo no país, onde há festivais especialmente dedicados a essa árvore, o Hanami Matsuri, que significa “Contemplar as flores”. A maioria é realizado entre os meses de março e maio, embora outras regiões os festeje em junho, devido à floração das árvores que varia em cada região.

Neste ano, é esperado que a floração das cerejeiras aconteça um pouco mais cedo. Estima-se que comecem a florescer no dia 22 de março na região de Kyushu, no dia 25 de março em Tóquio e, no dia seguinte, em Quioto (Kyoto). O desabrochar total das cerejeiras ocorrerá em cerca uma semana após o início da floração, de acordo com o relatório da Japan Weather Association (JWA, na sigla em inglês).

Abaixo estão as datas de previsão para o florescimento das cerejeiras este ano, bem como os melhores períodos para sua contemplação. A JWA, no entanto, alerta que chuva, vento e temperaturas fora de época podem ter um forte efeito sobre o processo da estação, podendo tanto acelerar como retardar a floração.

A lista a seguir relaciona as cidades japonesas onde há maior concentração de árvores de cerejeiras:

LUGAR	      FLORAÇÃO/INÍCIO  FLORAÇÃO/TOTAL  
Tóquio	      25 de março      01-09 abril
Quioto	      26 março	       02-10 abril
Kagoshima     26 março	       02-10 abril
Kumamoto      23 mar	       29 março - 6 abril
Fukuoka	      22 de março      29 março - 6 abril
Hiroshima     25 de março      31 março - 8 abril
Matsuyama     23 mar	       29 março - 6 abril
Takamatsu     26 março	       01-09 abril
Osaka         26 março	       02-10 abril
Nara	      27 março	       02-10 abril
Yoshino	      03 de abril      09-19 abril
Nagoya	      25 de março      01-09 abril
Yokohama      26 março	       01-09 abril
Kanazawa      03 de abril      09-17 abril
Takayama      13 de abril      17-25 abril
Matsumoto     07 de abril      11-19 abril
Fukushima     07 de abril      10-18 abril
Sendai	      09 de abril      14-22 abril
Kitakami      18 de abril      22-30 abril
Kakunodate    22 de abril      25 abril - 4 maio
Hirosaki      21 de abril      25 abril - 3 maio
Hakodate      29 de abril      2-9 maio
Sapporo	      03 de maio       05-12 maio

 

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários