Economia

Número de filiados a sindicatos no Japão atinge seu mínimo histórico

A proporção de filiados a sindicatos em relação ao total de trabalhadores no Japão caiu para 17,7%.

Do Mundo-Nipo

Sindicatos no Japão (Imagem: NHK/Reprodução)

A proporção de filiados a sindicatos em relação ao total de trabalhadores no Japão caiu para 17,7% (Imagem: NHK/Reprodução)

A proporção de filiados a sindicatos em relação ao total de trabalhadores no Japão caiu para 17,7%, o menor índice desde que teve início o registro dos dados, em 1947, de acordo com um relatório do governo divulgado nesta segunda-feira (6), informou a emissora pública NHK.

Em seu levantamento anual, o Ministério do Trabalho constatou que cerca de 9,88 milhões de trabalhadores eram filiados a sindicatos em junho de 2013, o que representa uma redução de 17 mil filiados em relação ao ano anterior, no quarto ano consecutivo de queda.

O relatório do ministério aponta que o peso desta queda global recai sobre a potente indústria manufatureira, onde o número de sindicados é cada vez menor.

Em contrapartida, o número de mulheres filiadas em algum sindicato no país subiu 1,5%, para um total próximo a três milhões de trabalhadoras registradas, das quais um terço trabalha em tempo parcial.

A proporção de trabalhadores em tempo parcial dentro do total de filiados no Japão foi de 9,3%, um recorde histórico desde que o dado foi incluído no estudo, em 1990.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*