Economia

BoJ deve definir economia japonesa como “em recuperação’

O banco central japonês elevou sua avaliação econômica por seis meses consecutivos.

Do Mundo-Nipo

Haruhiko Kuroda, presidente do Banco do Japão (Foto: AFLO)

Haruhiko Kuroda, presidente do Banco do Japão (Foto: AFLO)

O Banco do Japão (BoJ)  deve usar a palavra “recuperação” para definir sua avaliação sobre a economia do país pela primeira vez em dois anos, informou nesta quarta-feira o jornal econômico Nikkei.

No início de uma reunião de dois dias do conselho do banco central nesta quarta-feira, o presidente do BoJ, Haruhiko Kuroda, e seus colegas concordaram que a economia japonesa está melhorando progressivamente.

As exportações e a produção industrial estão melhorando, e os gastos dos consumidores está “saudável”. O sentimento corporativo mostrou uma melhora acentuada em junho e o índice de sentimento entre os grandes fabricantes do país tornou-se positivo pela primeira vez em sete trimestres.

O banco central japonês elevou sua avaliação econômica por seis meses consecutivos.

O BoJ deverá manter seu programa de flexibilização monetária atual para dobrar a base monetária em dois anos, atingindo a meta de inflação de 2%.

 

Para saber mais sobre Economia, clique em mundo-nipo.com/economia. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*