Economia

Banco do Japão divulga relatório de junho do Conselho de Políticas

Os formuladores de política do Banco do Japão (BoJ) concluíram que não havia necessidade de medidas adicionais.

Do Mundo-Nipo

Os formuladores de política do Banco do Japão (BoJ) concluíram que não havia necessidade de medidas adicionais em junho para conter picos na taxa de juros, uma vez que a operação de compra de títulos flexível do banco central havia reprimido a volatilidade do mercado, conforme divulgado nesta quarta-feira na ata da reunião de política monetária do mês passado.

Na reunião do dia 10 e 11 de junho, o Conselho de Políticas de nove membros discutiu a possibilidade de estender o prazo fixado de taxa de juros baixa para as instituições financeiras, em meio à subida das taxas de juro de longo prazo e queda das ações japonesas no período.

Sob o programa de provisão de fundos de taxa fixa, o BoJ atualmente fornece empréstimos máximos de um ano para instituições financeiras como bancos, com uma taxa de juro anual de 0,1%, tendo títulos do governo e outros como garantia.

As informações são da agência Kyodo.

 

Para saber mais sobre Economia, clique em mundo-nipo.com/economia. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe uma resposta