Economia

Merkel critica políticas de crédito do Japão

Merkel levantou a questão cambial durante a reunião com Abe.

Do Mundo-Nipo

Angela Merkel (Foto: Wikimedia Commons)

Angela Merkel (Foto: Wikimedia Commons)

A primeira-ministra alemã, Angela Merkel, criticou a política de crédito flexibilizado do Japão durante uma reunião com o premiê Shinzo Abe na última segunda-feira.

Merkel levantou a questão cambial na reunião e indicou que as circunstâncias atuais que cercam as taxas de câmbio podem prejudicar a competitividade global dos países.

Abe rejeitou as críticas dizendo que o seu governo não estava em posição de fazer qualquer coisa sobre os movimentos da moeda.

De acordo com o vice-chefe de Gabinete, Katsunobu Kato, Merkel também pediu a Abe para explicar como ele pretendia lidar com o déficit fiscal do país na reunião à margem de uma cúpula do G8, na Irlanda do Norte.

O primeiro-ministro japonês apresentou seu plano de três vias – política monetária agressiva, gasto fiscal maciço e estratégia de crescimento que incentivem o setor privado – que formam as chamadas “Abenomics”.

Em uma reunião separada do G8, o primeiro-ministro italiano Enrico Letta elogiou a política econômica de Abe e disse que a Itália pretende aprender com ele.

Letta convidou Abe para visitar a Itália e pediu-lhe para dar uma palestra sobre as políticas econômicas e financeiras no país.

Durante outra reunião, Abe concordou com Herman Van Rompuy, presidente do Conselho Europeu, em realizar uma reunião entre a União Europeia e o Japão, em novembro, com o objetivo de assinar um acordo de livre comércio logo depois.

As informações são da agência Kyodo.

 

Para saber mais sobre Economia, clique em mundo-nipo.com/economia. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*