Meio ambiente e Energia

Província japonesa vai investir em desenvolvimento de Gás Natural Liquefeito

O governo central e provincial vão trabalhar em conjunto para construir terminais de gás natural liquefeito e usinas termelétricas.

Do Mundo-Nipo

O governo central do Japão e o governo provincial de Fukui irão trabalhar em conjunto para construir terminais de gás natural liquefeito e usinas termelétricas para compensar a queda da produção de energia na indústria nuclear.

As autoridades em Fukui pretendem se manter como uma das prefeituras que mais gera energia através da medida, além de reforçar a economia local, após as usinas nucleares terem sido desligadas com a eclosão da crise nuclear em Fukushima Daiichi.

A companhia Wakasa Bay, localizada em Fukui, uma das regiões que mais fornecem energia elétrica do oeste do Japão, está alinhada com usinas nucleares, mas a maioria destas terão de ser desmanteladas em breve.

Segundo informações do jornal Nikkei, o governo japonês vai instar a Companhia de Energia Elétrica de Kansai, Companhia de Energia Elétrica de Hokuriku, Companhia de Gás de Osaka e  várias outras empresas nas regiões de Kansai e Hokuriku a participar do desenvolvimento de GNL , ajudando a diversificar as fontes de gás natural do Japão. Importações da Rússia são esperadas, além da compra de gás de xisto dos Estados Unidos.

 

Veja mais notícias sobre Energia em mundo-nipo.com/meio-ambiente-e-energiaSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários