Meio ambiente e Energia

Reatores nucleares de Oi serão os únicos em operação no Japão até setembro

O reatores 3 e 4 de Oi irão operar até setembro deste ano, quando serão paralisados para inspeção obrigatória.

Do Mundo-Nipo

Usina nuclear de Oi (Foto: Kyodo)

Usina nuclear de Oi (Foto: Kyodo)

A Autoridade Reguladora Nuclear (ARN) do Japão decidiu nesta quarta-feira que apenas os dois reatores da usina de Oi, na província de Fukui, irão continuar em operação no país, mesmo após as novas exigências de segurança que serão introduzidas na próxima segunda-feira (08).

O reatores 3 e 4 de Oi irão operar até setembro deste ano, quando serão paralisados para inspeção obrigatória. Após isto, o Japão deve entrar em um segundo período sem geração de energia nuclear desde a eclosão da crise nuclear de Fukushima Daiichi em 2011.

Outras operadoras de energia devem aplicar as novas regras  de segurança, mas as avaliações para assegurar que atendem as exigências podem demorar cerca de seis meses.

A Companhia de Energia de Tóquio (Tepco), que opera a usina de Fukushima, anunciou  ontem que vai se candidatar para retomar as operações de seus reatores nucleares em Niigata.

 

Veja mais notícias sobre Meio Ambiente em mundo-nipo.com/meio-ambiente-e-energiaSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários