Meio ambiente e Energia

Japão extrai gás de hidrato de metano do fundo do mar e torna-se o primeiro do mundo a fazê-lo

Do Mundo-Nipo

Japão extraiu gás natural a partir de uma fonte de energia de última geração, chamada de hidrato de metano, do fundo do mar, em águas do Pacífico ao largo da região central do país, este é o primeiro caso no mundo, informou nesta terça-feira o Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão.

 

Navio japonês de perfuração em alto mar (Foto: Reprodução / Kyodo)

A foto, tirada de um helicóptero da agência Kyodo News, mostra o navio de perfuração “Chikyu” no mar do Pacífico, ao largo de Aichi, região central do Japão, em 12 de março de 2013 (Foto: Reprodução / Kyodo)

 

“Nós começamos a produção de uma certa quantidade de gás metano por voltas das 09h30 de terça-feira (hora local)” disse um representante do Ministério, lembrando que se o gás for extraído de forma estável por cerca de duas semanas, conforme o andamento em curso, será um “grande passo” para o desenvolvimento comercial do produto no futuro.


saiba mais


Japão vai inciar produção experimental de gás de hidrato de metano


Segundo a agência Kyodo News, acredita-se que o hidrato de metano exista em uma ampla área no fundo do mar em águas próximas do Japão, e estima-se que seus depósitos sejam suficientes para cobrir o consumo interno de gás natural por cerca de 100 anos.

Quando queimado, o hidrato produz menos emissões de gases causadores do efeito estufa, em comparação ao petróleo e a outros combustíveis, o que o torna um forte candidato para a próxima geração de energia.

O hidrato de metano é como um “sorvete” de metano congelado encontrado na alta pressão, temperatura ambiente baixa, tal como o fundo do mar e sob solo congelado.

No entanto, a extração de sedimentos contendo hidrato de metano era considerada extremamente até então, antes desta terça-feira, quando o Japão tornou-se o primero no mundo a conseguir extraí-lo.

 

Veja mais notícias sobre Energia em mundo-nipo.com/meio-ambiente-e-energia. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Faceboo

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários