Meio ambiente e Energia

ARN diz que pode haver falha ativa diretamente sob reator nuclear da usina de Tsuruga

As diretrizes do governo japonês proíbem a construção de reatores nucleares acima de falhas geológicas ativas.

Do Mundo-Nipo

Usina nuclear de Tsuruga (Foto: Wikimedia Commons)

Usina nuclear de Tsuruga (Foto: Wikimedia Commons)

Um painel da Autoridade Reguladora Nuclear do Japão (ARN) divulgou nesta segunda-feira que uma falha geológica ativa pode estar sob um dos reatores da usina nuclear de Tsuruga, localizada em Fukui.

A ARN emitiu seu projeto de relatório em uma reunião realizada nesta segunda-feira, apontando que uma falha ativa encontrada sob a usina pode ter movido-se nos últimos 120 mil ou 130 mil anos.  Além disso, informa que os especialistas examinaram a direção da falha, indicando que poderia haver uma extensão da mesma diretamente direcionada sob o reator 2 da usina.

O relatório conclui afirmando que os especialistas não podem negar a possibilidade de uma falha ativa diretamente sob o reator.

As diretrizes do governo japonês proíbem a construção de reatores nucleares acima de falhas geológicas ativas.

De acordo com informações da rede NHK, o relatório final ainda levará algum tempo para ser concluído.

 

Veja mais notícias sobre Meio Ambiente em mundo-nipo.com/meio-ambiente-e-energia. Siga o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários