Meteorologia

Chuvas provocam deslizamento de terra e deixam crianças isoladas no sul do Japão

Dezenas de crianças ficaram isoladas num clube após um deslizamento de terra bloquear a única estrada que dá acesso ao local.

Do Mundo-Nipo

Ruas alagadas em Kochi (Imagem: Reprodução/FNN News)

Muitas ruas e estradas estão alagadas em cidades na província de Kochi (Imagem: Reprodução/FNN News)

Chuvas torrenciais no Japão provocaram deslizamentos de terra que bloquearam estradas no sudoeste do país, deixando 78 pessoas isoladas – a maioria crianças – em um clube na cidade de Kochi, capital da província de mesmo nome, informou nesta segunda-feira (4) a imprensa japonesa.

Equipes de resgate estão tentando chegar ao local para levar alimentos e produtos de higiene pessoal. De acordo com a emissora pública NHK, uma estrada precária, onde só é possível a passagem de carros pequenos, está sendo usada para o transporte.

No último domingo, as crianças estavam participando de um evento no clube localizado em uma área remota de Kochi, quando um deslizamento de terra bloqueou a única estrada pavimentada que dá acesso ao local.

As fortes chuvas, em consequência da passagem do tufão 12 pelo sul do Japão, castigaram várias províncias localizadas nas ilhas de Kyushu (no sul) e Shikoku (no sudoeste), onde casas e ruas ficaram alagadas.

Segundo a agência Kyodo, a Agência Meteorológica do Japão (JMA) alerta que há risco elevado de inundações e deslizamentos de terra em quase toda região em Shikoku, onde as chuvas torrenciais devem continuar até terça-feira (5).

A agência explicou que uma tempestade tropical na costa ocidental da Coreia do Sul está  desencadeando um ar úmido enquanto se move para o oeste do Japão, a partir do Pacífico.

Somente na manhã de domingo, entre 9h e 10h, 101 milímetros de chuva caiu na cidade de Tosa. No geral, a precipitação ao longo de um período de 24 horas ultrapassou 600 milímetros na província de Kochi. É o volume mais pesado já registrado para a área.

O total de precipitação desde a última sexta-feira superou mil milímetros em algumas partes do Kochi e 600 milímetros na província de Tokushima, onde o risco de transbordamentos de rios é extremamente elevado, de acordo com a agência.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários