Meteorologia

Antes mesmo de tocar em solo, tufão Halong já faz estragos no sudoeste do Japão

Centenas de voos foram cancelados, enquanto 4 mil residências estão sem energia e milhares de famílias foram evacuadas.

Do Mundo-Nipo

O tufão Halong, que está se deslocando para o norte com muita lentidão, já se encontra na região de Kyushu e Shikoku (sul e sudoeste), onde está causando muitos estragos antes mesmo de tocar em terra. Segundo a Agência Meteorológica do Japão, o tufão, acompanhado por ventos de até 198 km/h, poderá tocar em terra no final do dia ou início de domingo.

 

Mar revolto n na província de Kochi. Foto tirada em 9 de agosto de 2014 (Foto: Kyodo)

A foto mostra o mar revolto na província de Kochi, na manhã deste sábado. A Agência prevê que o mar em algumas áreas no sudoeste deverão ter ondas de até 12 metros (Foto: Kyodo)

 

A agência Kyodo informou que milhares de famílias foram evacuadas e muitas outras estão em estado de alerta. Companhias aéreas que operam no sul do Japão cancelaram cerca de 500 voos nacionais e internacionais neste sábado (9), já que a região está sendo castigada por chuvas e ventos fortes, causando inundações em rios e deixando o mar revolto.

Com ventos sustentados de até 180 quilômetros por hora, Halong estava se aproximando de Shikoku na tarde deste sábado (hora local). Às 6 horas locais, o tufão estava localizado a cerca de 120 km ao sul de Ashizuri, na província de Kochi, se deslocando em direção ao norte-nordeste com uma pressão atmosférica de 960 hectopascais em seu centro e ventos de até 180 km por hora, conforme boletim divulgado pela agência.

A emissora pública NHK informou que 40 mil famílias foram alertadas para evacuar as residências por perigo de inundações e deslizamentos de terra em 7 províncias (Kochi, Tokushima. Miyazaki, Osaka, Wakayama, Yamaguchi e Hiroshima).

Segundo a Kyodo, mais de 4 mil residências ficaram sem eletricidade devido a apagões nas províncias de Kagoshima, Miyazaki, Ehime e Oita. Além disso, a tempestade já causou fortes danos em um total de 13 residências nas províncias de Wakayama, Kumamoto, Miyazaki e Kagoshima.

Uma pessoa já morreu e várias outras ficaram feridas por causa do tufão. Na cidade de Oshu (Iwate), um homem de 78 anos foi arrastado pela água em um córrego próximo à sua casa na noite de ontem, e encontrado morto hoje de manhã em um rio, a 2 km do local de onde foi arrastado.

Em Shingu (Wakayama), uma mulher entre 60 e 70 anos caiu do telhado da sua casa enquanto tentava consertar as telhas. Segundo a NHK, ela teve fraturas em uma das pernas. Uma mulher em Miyagi teve os dedos fraturados após serem presos pela porta de sua residência, que fechou de repente com o vento.

A agência alerta que, nas próximas 24 horas, as chuvas devem atingir 700 milímetros em Shikoku, 600 milímetros na região de Tokai, 500 milímeros em Kinki, 400 milímetros nas áreas de Kanto-Koshin, e 200 milímetros nas regiões de Chugoku, Hokuriku e Tohoku.

A região de Shikoku já se viu atingida por chuvas torrenciais de outro tufão no final da semana passada, e agora está na eminência de ser fortemente castigada pelo poderoso Halong. De acordo com a agência, este tufão, número 11 da temporada, é tão forte quanto o tufão Neoguri, que no mês passado causou várias mortes no sul do Japão.

Outro boletim da agência, as 11 horas (local), informou que o tufão se encontrava a 210 km do extremo sul de Shikoku, se deslocando lentamente, a uma velocidade de 15 km/h. Ele deve atingir também algumas regiões da ilha de Honshu, na região central do Japão, mais fortemente em Kinki e Tokai. A agência previu ainda chuva forte em Tóquio no domingo, embora a tempestade deva desviar para o Mar do Japão antes de atingir a capital.

A agência alerta ainda que Halong levará chuvas intensas e ventos de até 200 km/h, devendo produzir ondas de até 12 metros de altura na costa do sudoeste do arquipélago.

(Com informações da NHK News e Agência Kyodo)

O deslocamento do tufão pode ser acompanhado em tempo real no site da Agência Meteorológica do Japão.

*Veja como está o Tempo no Japão neste momento.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários