Notícias

Japão tem boa colocação no ranking dos países que mais vão contratar no 3º trimestre

O ranking mostra os países que mais contratarão funcionários. Confira quais são e seus setores de contratação.

Do Mundo-Nipo com Agências

O Japão é um dos países com a maior intenção de contratar funcionários no próximo trimestre, ocupando a 9ª posição no ranking elaborado pelo ManpowerGroup, divulgado na última semana de junho.

 

Trabalho no Japão (Foto: Kyodo/AP)

Japão se posicionou bem à frente de China e Estados Unidos (Foto: Kyodo/AP)

 

Embora tenha caído 1 ponto percentual em relação ao trimestre anterior, Japão se posicionou à frente de China e Estados Unidos. As perspectivas de contratação no mercado de trabalho japonês são bastante significativas, com destaque para os setores de serviços, mineração e finanças.

Já o índice brasileiro é o menor desde 2009. Mesmo assim, conseguiu uma boa posição no ranking que é constituído por 30 países. O país se colocou em 26º lugar, com 7º de expectativa de contratação entre os meses de julho a setembro.

Com ajustes sazonais, o índice é o percentual de gestores que preveem aumentar contratações, subtraído do percentual dos que pretendem reduzir admissões.

 

Veja a seguir a lista dos 20 países que mais pretendem contratar em julho, agosto e setembro de 2014 (incluindo os números do Brasil):

1. Índia
Expectativa de contratação: 46%
Diferença para 2º trimestre: aumento de 4%
Setores que mais contratarão: Administração pública, comércio e indústria

2. Taiwan
Expectativa de contratação: 38%
Diferença para 2º trimestre: igual
Setores que mais contratarão: Finanças, indústria e serviços

3. Turquia
Expectativa de contratação: 26%
Diferença para 2º trimestre: não informado
Setores que mais contratarão: Indústria, setor farmacêutico e fornecimento de água, gás e eletricidade

4. Nova Zelândia
Expectativa de contratação: 25%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Finanças, transportes e mineração

5. Cingapura
Expectativa de contratação: 19%
Diferença para 2º trimestre: aumento de 1%
Setores que mais contratarão: Transportes, mineração e finanças

6. Peru
Expectativa de contratação: 18%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Finanças, indústria e transportes

7. Colômbia
Expectativa de contratação: 16%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Serviços, finanças, e indústria

8. Costa Rica
Expectativa de contratação: 16%
Diferença para 2º trimestre: redução de 6%
Setores que mais contratarão: Indústria, construção e comércio

9. Japão
Expectativa de contratação: 16%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Mineração, serviços e finanças

10. Hong Kong
Expectativa de contratação: 15%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Serviços, finanças e mineração

11. Panamá
Expectativa de contratação: 15%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Transportes, construção e agricultura

12. Bulgária
Expectativa de contratação: 14%
Diferença para 2º trimestre: não informado
Setores que mais contratarão: Finanças, comércio e agricultura

13. China
Expectativa de contratação: 14%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Serviços, comércio e indústria

14. México
Expectativa de contratação: 14%
Diferença para 2º trimestre: redução de 3%
Setores que mais contratarão: Construção, serviços e agricultura

15. Estados Unidos
Expectativa de contratação: 14%
Diferença para 2º trimestre: aumento de 1%
Setores que mais contratarão: Mineração, comércio e turismo

16. Guatemala
Expectativa de contratação: 11%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Construção, agricultura e comércio

17. Argentina
Expectativa de contratação: 10%
Diferença para 2º trimestre: aumento de 4%
Setores que mais contratarão: Finanças, administração pública e serviços

18. Canadá
Expectativa de contratação: 10%
Diferença para 2º trimestre: aumento de 1%
Setores que mais contratarão: Transporte, administração pública e construção

19. Eslovênia
Expectativa de contratação: 10%
Diferença para 2º trimestre: não informado
Setores que mais contratarão: Hotelaria, indústria e fornecimento de eletricidade, gás e água

20. Austrália
Expectativa de contratação: 9%
Diferença para 2º trimestre: redução de 1%
Setores que mais contratarão: Serviços, finanças e comércio

26. Brasil
Expectativa de contratação: 7%
Diferença para 2º trimestre: redução de 5%
Setores que mais contratarão: Serviços, finanças e administração pública

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*