Notícias

Walmart anuncia fechamento de 30 lojas no Japão

As lojas do Walmart no Japão operam sob a marca Seiyu e o fechamento de 30 unidades corresponde à 7% de um total de 434 existentes no país.

Do Mundo-Nipo

As lojas do Walmart no Japão operam sob a marca Seiyu e o fechamento de 30 unidades corresponde à 7% de um total de 434 existentes no país.

Walmart/Seiyu (Foto: Kyodo/Edição MN)   

Walmart/Seiyu (Foto: Kyodo/Edição MN)

 

O Walmart, a maior rede mundial de supermercados, anunciou que vai fechar 30 de suas lojas no Japão, como consequência de recentes quedas dos ganhos de operações internacionais. A empresa, no entanto, afirma que a medida é destinada a melhorar o desempenho e a rentabilidade de seus negócios na terceira maior economia do mundo.

As lojas do Walmart no Japão operam sob a marca Seiyu e o fechamento de 30 unidades corresponde à 7% de um total de 434 existentes no país. O anúncio, que aconteceu na última sexta-feira, veio depois que a companhia cortou sua previsão de lucro anual em agosto, devido ao aumento dos custos e investimentos.

A varejista também anunciou planos de remodelar cerca de 50 lojas japonesas no próximo ano e de investir em lojas online.

Em comunicado, a empresa disse que vai concentrar recursos em locais com melhores desempenhos, “que são convenientes para os clientes e assim melhorar sua experiência de compra”.

O Walmart entrou no mercado japonês em 2002, através de um investimento na então cadeia de supermercado Seiyu, que passava por extrema dificuldade financeira. Seis anos depois, a multinacional norte-americana assumiu o controle total da empresa.

Nos últimos dois anos, a empresa vinha expandindo a um ritmo acelerado, mas os compradores japoneses têm sido lentos em adotar o modelo de baixo custo do Walmart.

A empresa também tem se esforçado para ver um crescimento em seu mercado doméstico, nos Estados Unidos. Mas, recentemente, relatórios de vendas mostraram retração no segundo trimestre do atual ano fiscal, marcando o sexto trimestre consecutivo de quedas ou de nenhum crescimento no mercado norte-americano.

Fonte: BBC News.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*