Notícias

Fontes renováveis representarão 90% da energia usada no Japão até 2050

Foto: Stockvalt

Japão ambiciona uma nova e ousada meta de redução de emissões de carbono.

O Ministério do Meio Ambiente do Japão pretende criar uma nova e ambiciosa meta de redução de emissões de carbono. O órgão quer o país usando mais energias renováveis e propôs que a produção de energia de fontes de baixa emissão de carbono represente mais de 90% do total da energia elétrica usada no Japão até 2050.

Conforme requer o Acordo de Paris sobre mudanças climáticas, que entrou em vigor em 2016, o governo japonês irá apresentar seu plano às Nações Unidas até 2020. Especialistas e um painel indicado pelo ministério do Meio Ambiente estão elaborando o plano, conforme o anúncio divulgado ontem (2).

Segundo a pasta, o esboço do plano vai incluir um apelo para que o Japão baseie a vasta maioria de sua eletricidade em fontes renováveis, como a solar e a eólica.

A Energia nuclear, que também é uma fonte de baixa emissão de carbono, será igualmente inclusa na meta de 90%.

Fontes: Jornal Nikkei | NHK News Japan.

Comentários