Notícias

Dezenas de visitantes são intoxicados em templo no Japão

Foto: Reprodução / Kyodo

Cheiro de produto químico provocou forte tosse em mais de 20 visitantes – quatro foram hospitalizados.

Mais de 20 pessoas passaram mal enquanto visitavam, na quarta-feira (2), um tradicional templo na cidade de Kyoto ou Quioto, no centro-oeste do Japão. Segundo autoridades locais, todos reclamaram de dor na garganta provocada por tosse, entre outros sintomas, após sentirem o cheiro tóxico de um produto químico ainda não identificado – quatro pessoas foram hospitalizadas.

Felizmente, ninguém sofreu risco de morte durante o incidente no Templo de Nanzenji. “Ainda não se sabe o que causou o cheiro tóxico”, disse a direção do templo.

Acredita-se que o odor pungente emanou de um banheiro localizado próximo ao prédio principal do templo, que é designado Tesouro Nacional do Japão.

O forte odor de produto químico forçou autoridades locais a evacuarem cerca de 70 pessoas que estavam no templo no momento do incidente.

Os visitantes receberam tratamento médico de emergência nas dependências do templo depois que cerca de uma dúzia de ambulâncias e bombeiros chegaram ao local.

Um funcionário do templo chamou os bombeiros por volta das 11h30 locais de quarta, depois que um dos visitantes relatou ter sentindo um “cheiro estranho”.

“De repente, algumas pessoas ao meu redor começaram a tossir e/ou até mesmo chorar. Eu imediatamente fugi do local”, disse Yoshie Iwata, um visitante, de 42 anos, residente na cidade de Sakai, na província de Osaka.

O templo fechou as portas para visitação pública após o incidente, mas prometeu reabrir a partir desta quinta-feira (3).

O templo foi inaugurado em 1291 e é o principal templo da escola Nanzenji do Budismo Zen Rinzai.

Da Kyodo News / Tradução e edição do Mundo-Nipo.

Comentários