Notícias

Norte do Japão está em alerta por chuvas torrenciais

A imagem mostra a parte oeste de Hokkaido completamente coberta por nuvens de chuvas às 9h locais de terça-feira (Foto: Satélite Himawari/JMA)

A Ilha Rishiri, em Hokkaido, enfrenta chuvas fortes desde a segunda-feira, o que ocorre apenas a cada meio século.

A Agência de Meteorologia do Japão (JMA, na sigla em inglês), emitiu nesta terça-feira (6) alertas para riscos de inundações e deslizamentos de terra para os habitantes em Rishiri, ilha no oeste de Hokkaido, no extremo norte do país, região que tem recebido chuvas torrenciais nos últimos dias, o que acorre apenas a cada meio século.

Segundo a agência, as condições meteorológicas permanecem instáveis em todo o norte e o oeste do Japão, devido ao influxo de ar quente e úmido proveniente do sul, provocado, em grande parte, pela passagem de quatro tufões no país em cerca de duas semanas.

Na cidade de Kutsugata, na Ilha de Rishiri, foram registrados 30 milímetros de precipitação no período de uma hora por volta do meio-dia desta terça-feira (hora local), meia noite no horário de Brasília. Segundo a emissora estatal ‘NHK’, os residentes estão assustados em vista de que não é comum grandes precipitações nessa área.

Mediante a isso, a agência emitiu alertas de chuvas pesadas para a Ilha Rishiri, recomendando cautela contra deslizamentos de terra, transbordamento de rios e inundações de áreas baixas.

A ilha enfrentou 150 milímetros de precipitação desde a noite de segunda-feira até o meio-dia de hoje. Trata-se de 1,3 da média de chuvas para todo o mês de setembro nessa área, onde chuvas fortes ocorrem apenas uma vez a cada 50 anos, segundo a JMA.

Fontes: NHK News Japan | Agência Meteorológica do Japão.

Comentários