Notícias

Bolsa de Tóquio fecha acima dos 15,9 mil pontos pela 1ª vez em 8 meses

O mercado japonês foi influenciado pelos ganhos em Wall Street e a forte valorização do dólar frente ao iene.

Do Mundo-Nipo com Agências

A Bolsa de Valores de Tóquio renovou sua máxima nesta quinta-feira (11), atingindo o maior valor de fechamento em mais de oito meses, influenciada pela trajetória de altas do dólar sobre o iene e ganhos durante a noite em Wall Street.

O Nikkei, principal índice japonês, avançou 120,42 pontos, alta de 0,76%, fechando a 15.909,20, seu melhor resultado desde 10 de janeiro. O volume das transações totalizaram 2.131,87 milhões de ações negociadas, ante 1.946,37 milhões na véspera.

Durante a sessão, o desempenho da moeda norte-americana sobre o iene continua a ditar o rumo das negociações em Tóquio. A divisa ultrapassou a máxima atingida ontem, batendo mais um recorde histórico nesta quinta, acima dos 107 ienes, maior patamar desde setembro 2008. Os ganhos de ontem em Wall Street também influenciaram o mercado japonês.

Além disso, especulações sobre uma possível flexibilização monetária adicional por parte do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) estavam no radar dos investidores. Isso porque houve um encontro hoje do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, com o presidente do BC japonês, Haruhiko Kuroda.

Para o estrategista-sênior do Mitsubishi UFJ Morgan Stanley Securities, Norihiro Fujito, “há um movimento de compra fundamentada, com investidores de curto prazo apostando na compra de índices futuros e iene”.

Ele lembra que os eventos da próxima semana têm gerado ansiedade. O Federal Reserve se reúne para tomar a decisão de política monetária, a Escócia vota o plebicito sobre sua independência do Reino Unido e a gigante do e-comerce da China, a Alibaba, faz oferta pública de ações (IPO, na sigla em inglês) na bolsa de Nova York na próxima semana.

Entre as ações de grande peso, o SoftBank continuou a valorizar com as expectativas pelo IPO da empresa chinesa, da qual possui 34% do capital. Os papéis subiram 2,9% em meio às notícias de que a demanda pelas ações da Alibaba podem impulsionar os preços para patamar entre US$ 60 e US$ 66. Nas últimas quatro sessões, o SoftBank já avançou quase 10%.

(Com informações das agências Estado e Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*