Notícias

Queda nas vendas da Nissan nos EUA decepciona investidores

As ações da Nissan Motor caíram depois que a montadora anunciou que seus resultados de outubro a dezembro de 2012 mostraram desaquecimento nas vendas.

Do Mundo-Nipo

As ações da Nissan Motor deslizaram na terça-feira (data local) depois que a montadora anunciou no final da semana passada que seus resultados de outubro a dezembro mostraram uma perda de dinamismo nas vendas, informou nesta terça-feira (12) o jornal Nikkei.

 

Nissan Motor (Foto: Aflo Images)

As vendas da Nissan na América do Norte subiram 2% para pouco mais de 360 mil carros nos últimos três meses de 2012.

 

As ações da empresa recuaram 4% a partir de sexta-feira (08) para 950 ienes, enquanto as fabricantes japonesas rivais como a Toyota Motor e Honda Motor viram ganhos modestos.

As vendas da Nissan na América do Norte subiram 2% para pouco mais de 360 mil carros nos três meses encerrados em 31 de dezembro. Apesar de não ser aparentemente ruim para sua queda de 4% nas vendas globais, a fabricante não pode estar satisfeita com os resultados obtidos neste mercado “fundamental”, especialmente depois de lançar os novos modelos de seus sedans “Altima” e “Sentra” nos Estados Unidos.

O Altima está claramente ficando para trás dos concorrentes, incluindo o Honda Accord, que também foi remodelado no ano passado.

Juntamente com a Toyota Camry, o Accord tem liderado o mercado de sedan médio porte nos Estados Unidos, e muitos proprietários estão optando por comprar um modelo novo do Accord em vez de mudar para outros carros.

“Os resultados das vendas mostram a diferença no número de clientes fiéis e o poder de marketing” que separam a Nissan e a Honda, disse Kohei Takahashi, analista da JPMorgan Securities Japan ao jornal Nikkei.

 

Para saber mais sobre Indústria de Automóveis, clique em mundo-nipo.com/negócios/industria-automotiva. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários