Notícias

Bolsa de Tóquio bate 21 mil pontos e fecha semana com ganhos de 2,24%

Foto: Kyodo

Índice japonês renovou máxima em 21 anos e atingiu à quinta valorização semanal consecutiva.

A Bolsa de Valores de Tóquio saltou quase 1% nesta sexta-feira (13) e fechou a semana acumulando ganhos superior a 2%, refletindo o otimismo com as eleições previstas para o Japão, o que levou o índice Nikkei a atingir altas não vistas desde 1996, superando de maneira sólida o nível dos 21 mil pontos.

O Nikkei, índice que reúne as ações mais negociadas na capital japonesa, fechou em alta de 0,96%, 21.155,18 pontos, superando assim, pela primeira vez, o patamar dos 21 mil pontos e renovando sua máxima desde de dezembro de 1996.

Trata-se da nona sessão consecutiva de valorização do índice e a maior sequência de ganhos em quase um ano. A última vez que a Bolsa de Valores em Tóquio sofreu queda foi em 29 de setembro.

Como resultado, o Nikkei encerrou esta semana com alta acumulada de 2,24%, chegando à quinta valorização semanal consecutiva e após fechar setembro com o maior acúmulo de ganhos em um mês neste ano.

As ações que tiveram o melhor desempenho na bolsa japonesa foram das empresas SUMCO (+5,70%), Fast Retailing (+5,51%) e Yaskawa Electric (+4,86%), enquanto os papeis que mais sofreram baixa foi da Kobe Steel, que despencaram 8,73% devido ao escândalo da falsificação dos dados de qualidade do aço.

Investidores no Japão continuam a mostrar otimismo com as eleições no país, diante da expectativa de que o partido do premiê Shinzo Abe tenha um resultado forte.

Além disso, números de exportações do país mostram-se fortes e o Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) mantém sua política monetária mais relaxada. Nesta sexta-feira, dados positivos da balança comercial da China também colaboraram para o salto de quase 1% nesta sessão.

Entretanto, analistas ponderam que na segunda-feira o iene mais forte poderá influenciar na Bolsa de Tóquio e interromper sua longa série de nove pregões de ganhos.

Um iene forte tende a pressionar as ações de exportadoras japonesas. Mas se ainda assim o Nikkei subir pela décima vez consecutiva, ele atingirá uma marca que não é vista desde maio de 2015.

Do Mundo-Nipo
Fontes: Estadão Conteúdo | Agência IN.

Notícias relacionadas

» Bolsa de Tóquio sobe pela 8ª vez seguida e renova máxima em quase 21 anos
» 
Bolsa de Tóquio tem 7 altas seguidas e fecha no maior nível em 20 anos
» Bolsa de Tóquio fecha em alta e encerra semana com ganhos de 1,64%
» Bolsa de Tóquio cai, mas fecha mês com maior ganho em 2017

Comentários