Notícias

Japonês é preso por ameaçar explodir residência após ordem de despejo

O incidente aconteceu hoje em Yokohama e mobilizou dezenas de policiais Foto: Reprodução/ANN New

Armado com faca, o homem se manteve entrincheirado dentro do apartamento por cerca de 3 horas.

A polícia de Yokohama, no leste do Japão, conseguiu deter um homem que ameaçou explodir o imóvel onde residia após receber ordem de despejo. O incidente ocorreu nesta quarta-feira (14) e a polícia teve trabalho porque o homem se manteve armado, com faca, e entrincheirado dentro do apartamento situado no 3º andar de um conjunto habitacional na cidade de Yokohama, informou agência de notícias ‘Kyodo’.

Segundo a polícia, tudo começou no início da tarde desta quarta-feira (horário local), quando oficiais de justiça foram até a então residência onde o homem morava levar a ordem judicial de despejo.

De acordo com o documento, o homem morava sozinho e não pagava o aluguel pelo imóvel desde o início do ano, detalha a ‘Kyodo’.

O homem, com idade em torno de 50 anos e que não teve o nome divulgado, se negou a receber a ordem de despejo. Ele se trancou no apartamento após impedir a entrada dos oficiais de justiça, que convocaram a polícia local.

O incidente mobilizou dezenas de policiais, que cercaram as áreas de acesso ao apartamento, localizado em um prédio de nove andares no bairro de Minami, no centro de Yokohama, capital da província de Kanagawa.

Depois de tentativas frustradas de negociações com o homem, que se mostrava determinado a não deixar o imóvel, a polícia resolveu invadir o local.

Por volta das 15h locais (03h no horário de Brasília), os policiais quebraram o vidro da porta da varanda que dá acesso ao apartamento. Feito isso, o homem tornou-se ainda mais violento e ameaçou explodir o apartamento, mandando os policiais se afastarem.

A polícia então recuou e só conseguiu prender o homem por volta das 17h40, quase três horas após chegar ao local.

Não há relatos de feridos e, até o momento, não foi divulgado o nome do homem e nem detalhes sobre a ameaça de explosão, ou seja, se ele portava algum tipo de explosivo.

O homem foi levado preso e agora responderá por perturbação da paz e obstrução da justiça, conforme noticiou a agência Kyodo.

Comentários