Notícias

Japão detém 3 acusados de ‘traficar’ alimentos para a Coreia do Norte

Foto: Stockvault

Japão proibiu intercâmbios econômicos com a Coreia do Norte dentro das sanções impostas ao país.

A polícia japonesa prendeu ontem (14) três pessoas, entre eles dois japoneses, acusados de enviar alimentos para a Coreia do Norte, o que viola as sanções impostas pelo Japão contra esse país.

O Japão proibiu os intercâmbios econômicos com a Coreia do Norte dentro das sanções impostas internacionalmente por seu programa nuclear e o sequestro de cidadãos japoneses por agentes norte-coreanos entre os anos de 1977 e 1983.

De acordo com a agência France Press, os indivíduos enviaram por barco 1.530 caixas com alimentos à Coreia do Norte, em 2014, no valor de 53.600 euros, equivalente a 210 mil reais.

Segundo a imprensa local, uma batida policial em Tóquio revistou as instalações de uma  associação comercial afiliada à Associação Geral de Residentes coreanos no Japão, considerada a embaixada de fato da Coreia do Norte, assim como uma empresa de capital japonesa.

Entre os responsáveis pelo envio estavam dois japoneses e um sul-coreano. De acordo com a ‘Kyodo News’, autoridades policiais acreditam que haja mais envolvidos no envio de produtos à Coreia do Norte e, portanto, as investigações prosseguirão.

Fontes: France Presse | Kyodo News.

» Veja mais notícias relacionadas à Coreia do Norte

Comentários