Notícias

Mais de 23% da população de Tóquio tem idade acima de 65 anos

Foto: Reprodução/TV Globo

A população de idosos em Tóquio ultrapassou os 3 milhões pela primeira vez em sua história.

Pessoas com idade a partir dos 65 anos representam 23,1% da população da capital do Japão, superando os 3 milhões de habitantes pela primeira vez em sua história, de acordo com um levantamento feito pelo Governo Metropolitano de Tóquio e divulgado nesta segunda-feira (19), dia em que o país celebra o Dia do Respeito aos Idosos (Keiro no Hi).

O número reflete um aumento de 48 mil em relação ao levantamento do ano passado, totalizando o recorde de 3.012.000. Deste total, 1.306.000 são homens, e 1.707.000 são mulheres.

O resultado reitera os desafios que a nova governadora de Tóquio, Yuriko Koike, tem pela frente, como impulsionar o crescimento em meio à grande oferta de trabalho, que contrasta com o declínio da população em idade apta ao trabalho em uma das maiores mais importantes cidades do mundo.

Maior desafio ainda tem o primeiro ministro do Japão, Shinzo Abe, que recebeu ontem a divulgação dos dados sobre a população de idosos, no qual aponta que o número de pessoas com idade a partir dos 65 anos chegou ao recorde de 34,61 milhões, compondo a máxima de 27,3% da população total do país.

É a primeira vez que a proporção de habitantes com 65 anos ou mais ultrapassa dos 27% desde que os dados começaram a ser compilados, em 1920.

Fontes: Agência Kyodo | NHK News.

Comentários