Notícias

Pela primeira vez, Fukushima exportará arroz para a França

Arroz de Koriyama, em Fukushima | Foto: Reprodução / YouTube - Kyodo

O governador Masao Uchibori está na França promovendo a segurança dos alimentos de Fukushima.

Sete anos depois de sofrer o pior acidente nuclear da história mundial, a província de Fukushima, no nordeste do Japão, volta a retomar seu comércio exterior que, até pouco tempo atrás, mantinha-se descreditado por conta do temor a radiação. Agora, a província está prestes a fechar um grande acordo com uma trading da França para exportar arroz ao país, segundo informou a emissora estatal japonesa ‘NHK’.

O acordo acontece por intermédio do governador de Fukushima, Masao Uchibori, que iniciou nesta quinta-feira (22) uma visita de quatro dias à França e ao Reino Unido, com o objetivo de promover produtos agropecuários de Fukushima, incluindo arroz, carne bovina e frutas processadas.

Uchibori espera desfazer preocupações sobre a segurança dos alimentos de Fukushima e impulsionar as vendas no exterior, que foram seriamente afetadas após o desastre de 2011.

Fontes ligadas ao assunto disseram à ‘NHK’ que o governador deve fechar um acordo para embarcar arroz produzido localmente para a França, no que será a primeira vez que a província japonesa exportará arroz ao país.

Ainda de acordo com a emissora japonesa, Uchibori também espera finalizar um acordo para aumentar os embarques de arroz para o Reino Unido. A província exportou 19 toneladas do produto ao país no ano fiscal de 2016.

Do Mundo-Nipo
Fonte: Canal NHK News.

Comentários