Notícias

Centenas de voos cancelados no Japão por chegada de poderoso tufão

Tufão Mindulle levou ventos fortes à Tóquio nesta manhã (Foto: AP/Kyodo)

A tempestade levada pelo tufão Mindulle obrigou companhias aéreas de todo o país a cancelar um total de 387 voos.

Quase 400 voos domésticos foram cancelados, nesta segunda-feira (22) no Japão, em consequência de fortes ventos e chuva que antecedem a chegada do poderoso tufão Mindulle ao arquipélago japonês, informou a imprensa local.

Espera-se que o Mindulle, que é o nono tufão da temporada na Ásia, chega ao Japão por volta de meio-dia (hora local), movendo-se depois da capital japonesa para a região norte de Tohoku (nordeste), segundo informou a Agência Meteorológica do Japão (JMA, na sigla em inglês).

Com rajadas até 180 quilômetros por hora, a tempestade dirigia-se esta manhã para a região norte, a 25 quilômetros por hora, vinda da ilha de Miyake, no sudoeste da ilha de Honshu, região central do Japão, indicou a agência.

Não há ainda relatos sobre vítimas ou danos significativos em Miyake, uma ilha com cerca de 2.600 habitantes, conhecida pela pesca, turismo e agricultura.

“Em Tóquio (…) por favor tenham cuidado com os deslizamentos de terras, inundações, transbordamento de rios, ventos violentos e ondas altas”, aconselhou a agência meteorológica em seu boletim emitido na noite de ontem (21).

A tempestade levou companhias aéreas de todo o país a cancelar um total de 387 voos, a maioria com saída ou destino ao aeroporto de Haneda, em Tóquio, segundo a emissora pública ‘NHK’.

A companhia aérea Japan Airlines anunciou o cancelamento de 145 voos domésticos, afetando 26.910 passageiros, enquanto a All Nippon Airways cancelou 96 voos domésticos, envolvendo 21.300 passageiros.

Os principais serviços de trem em Tóquio e região circundante operaram normalmente durante a manhã, incluindo os de alta velocidade, de acordo com a East Japan Railway, a maior operadora ferroviário da região.

Comentários