Notícias

Iene tem sexta queda seguida em NY

A moeda japonesa atingiu 104 por dólar nos mercados nova-iorquinos.

Do Mundo-Nipo com Agências

O iene caiu ante o dólar pela sexta sessão consecutiva em Nova York nesta segunda-feira (25), com os investidores ainda reagindo ao discurso ao discurso da presidente do Federal Reserve (Fed, banco centra dos EUA), Janet Yellen, na sexta-feira (22), durante a conferência de Kansas City em Jackson Hole. Ela reconheceu que o mercado de trabalho avançou mais rápido do que os diretores do Fed imaginavam e que a continuidade desse processo poderia levar a uma alta antecipada dos juros nos Estados Unidos.

O euro, por sua vez, caiu ao nível mais baixo em quase um ano diante do dólar, em reação ao discurso do presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, também na sexta-feira, durante o simpósio do Fed. Ele sinalizou com a possibilidade de novas medidas de relaxamento monetário como forma de estimular a economia e combater o risco de deflação na zona do euro, além de criticar o foco dos governos da região em políticas de austeridade fiscal.

Ao término das negociações em Nova York, o dólar avançava 0,11% sobre a moeda japonesa, cotado a 104,06 ienes, de 103,94 de sexta-feira. Em relação à moeda comum europeia, o euro foi negociado a US$ 1,3192, de US$ 1,3242 do pregão anterior.

 

Confira algumas cotações desta segunda-feira:

DÓLAR/IENE: cotação atual 104,06 / cotação anterior 103,94

EURO/DÓLAR: cotação atual 1,3192 / cotação anterior 1,3242

DÓLAR/EURO: cotação atual 0,7580/ cotação anterior 0,7552

LIBRA ESTERLINA/DÓLAR: cotação atual 1,6579 / cotação anterior 1,6572

DÓLAR/LIBRA ESTERLINA: cotação atual 0,6032 / cotação anterior 0,6034

FRANCO-SUÍÇO/ DÓLAR: cotação atual 1,0924 / cotação anterior 1,0943

DÓLAR/FRANCO-SUÍÇO: cotação atual 0,9154 / cotação anterior 0,9139.

(As informações das cotações são do The Wall Street Journal)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*