Notícias

Japonesa é assaltada e violentamente agredida em Fortaleza

Rika Yamane, de 39 anos, levou vários socos no rosto antes de sofrer tentativa de estupro na famosa Praia do Futuro, na noite de ontem.

30/01/2016 – 09h57 | Atualizado às 13h43


Uma turista japonesa foi assaltada, agredida e ainda sofreu tentativa de estupro enquanto passeava na Praia do Futuro, em Fortaleza, na noite de sexta-feira (29), informou a imprensa local neste sábado (30).

Rika Yamane (Foto: Reprodução/TV Diário/Montagem MN)

A vítima, Rika Yamane, que é Natural do Japão é mora em Curitiba, estava em Fortaleza para participar de um evento (Foto: Reprodução/TV Diário/Edição MN)

A vítima, Rika Yamane, de 39 anos, chegou a Fortaleza na última quarta-feira para participar de um evento. Ela contou a repórteres que estava caminhando no calçadão da Avenida Zezé Diogo, na Praia do Futuro, um dos pontos turísticos mais visitados de Fortaleza, quando foi violentamente agredida por um homem.

“Ele veio por trás, me atacou na cabeça com uma paulada, me deu vários socos na cara até que eu caí. Depois ele tentou me estuprar, mas eu gritei por socorro e consegui me livrar”, relatou Rika Yamane, conforme noticiou o ‘G1’, do Ceará.

Ela sofreu ferimentos nos braços e principalmente no rosto. A parte mais afetada foi o olho direito, que ficou com um forte hematoma em seu entorno – inchado e completamente roxo. Apesar das fortes escoriações, a japonesa passa bem e já está de alta após ter sido atendida em um hospital particular em Fortaleza.

Em depoimentos colhidos pelo ‘Diário do Nordeste’, a japonesa disse que quase perdeu os sentidos devido aos fortes socos que levou no rosto. “Eu quase desmaiei, mas tentei me soltar e gritei pedindo socorro (…) a violência não é só um problema de Fortaleza, é do Brasil. O que aconteceu aqui podia ter sido no Rio de Janeiro, São Paulo ou em minha cidade, Curitiba, que são igualmente violentas”, lamentou Rika Yamane, que é natural do Japão e mora em Curitiba, no Paraná.

“Depois de tentar estuprar a turista, ele foi até a própria casa se armar com um facão. Tentou assaltar os passageiros e o motorista de um micro-ônibus, mas foi detido por policiais e conseguimos evitar um possível novo caso de violência”, relata o sargento da Polícia Militar Valdir Sombra, de acordo com informações colhidas e publicadas pelo ‘G1 Ceará’.

O suspeito, identificado como Dheymes Costa Barbosa, de 20 anos, foi localizado e detido próximo ao local do assalto, na Avenida José Diogo, nas proximidades do bairro Serviluz. Ele então foi levado para 2º Distrito Policial (2º DP), no Bairro Aldeota, onde se encontra preso, conforme noticiou ‘O Povo’, de Fortaleza.

Segundo a Polícia Militar, Dheymes afirmou em depoimento que praticava roubos e furtos para pagar dívidas com traficantes de drogas e que era ameaçado de morte. Os pertences que haviam sido roubados foram recuperados.

Ainda de acordo com ‘O Povo’, Dheymes foi autuado em flagrante por roubo e lesão corporal, podendo responder ainda por tentativa de estupro.

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários