Política

Japão prende capitão de barco chinês por atividades ilegais

O barco foi interceptado por suspeita de pesca de corais em águas territoriais japonesas.

Do Mundo-Nipo

A Guarda Costeira do Japão divulgou que o capitão de um parco de pesca chinês foi preso neste sábado sob suspeita de operar ilegalmente na Zona Econômica Exclusiva do Japão, perto da ilha Miyako, em Okinawa, ao extremo sul do Japão.

Segundo a Guarda Costeira, o barco de cerca de 100 toneladas foi interceptado por suspeita de pesca de corais em águas territoriais japonesas. O barco contava com uma tripulação de 13 pessoas.

De acordo com informações da agência Kyodo, Xue Changlong, de 63 anos, que afirma ser chinês, admitiu ter operando em águas da ZEE a cerca de 46 km a nordeste da ilha, em torno das 07h45, sem permissão.

As relações entre China e Japão estão tensas desde que o governo japonês comprou as ilhas Senkaku/Diaoyu de um proprietário privado em setembro do ano passado.

As ilhas disputadas são administradas pelo Japão, mas reivindicadas pela China e Taiwan.

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, visitou a ilha de Okinawa neste sábado, onde afirmou que defenderá o país das “provocações” de seus vizinhos.

 

 

saiba mais


Navios da China invadem águas japonesas em torno de ilhas disputadas


Três navios chineses navegaram na zona contígua perto das ilhas disputadas com Japão


Navios da China e Taiwan foram avistados perto das ilhas Senkaku


Xi considera reunião entre China e Japão para melhorar laços bilaterais


 

Para saber mais sobre Política, clique em mundo-nipo.com/politica. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*