Política

Aprovação do gabinete de Abe cai para 52% em maio

A pesquisa da NHK mostrou que o índice de reprovação subiu 3 pontos.

Do Mundo-Nipo

Aprovação do gabinete de Abe cai em maio (Imagem: Reprodução/NHK)

Por outro lado, as políticas econômicas do gabinete tiveram 61% de aprovação (Imagem: Reprodução/NHK)

O índice de aprovação do gabinete do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, caiu 4 pontos percentuais em maio, para 52%, enquanto a taxa de reprovação subiu 3 pontos, para 32%, mostraram os dados de uma pesquisa realizada pela emissora pública ‘NHK’.

A NHK telefonou para 1.552 pessoas com idades a partir de 20 anos em todo o país no último fim de semana. Destes, 67% responderam à pesquisa.

Por outro lado, a pesquisa mostrou que 61% dos entrevistados aprovam as políticas econômicas do gabinete, enquanto 35% se revelaram contra.

Quando perguntados se compartilhavam do sentimento de que a economia está se recuperando, 16% afirmaram que sim, 43% responderam que não e 37% estavam indecisos.

Quanto a questão de Japão exercer o seu direito à autodefesa coletiva, 26% disseram que sim, enquanto a mesma porcentagem disse não à ideia e 41% disseram que estavam indecisos.

O primeiro-ministro tem se engajado em mudar a interpretação da Constituição. A interpretação tradicional mantida pelos governos anteriores é a de que a Constituição não permite que o Japão exerça o seu direito de autodefesa coletiva, enquanto Abe defende a reinterpretação da Carta Magna, de modo a permitir o uso de força militar no que diz respeito a defender outros países, conforme afirma o premiê.

Quanto a essa questão, 22% dos entrevistados aprovam tal movimento, enquanto 33% reprovam a ideia do premiê, e 40% mostraram-se indecisos.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários