Política

Japão tentará restaurar relações diplomáticas com China e Coreia do Sul

Kishida pretende conversar com seus colegas Wang Yi e Yun Byung Se.

Do Mundo-Nipo

Fumio Kishida, ministro dos Negócios Estrangeiros (Foto: AFLO)

Fumio Kishida, ministro dos Negócios Estrangeiros (Foto: AFLO)

O Ministro das Relações Exteriores do Japão, Fumio Kishida, vai conduzir a diplomacia regional a partir deste sábado, em Brunei, para melhorar as relações com a China e a Coreia do Sul.

As relações do Japão com os governos chinês e sul-coreano foram prejudicadas devido a visão japonesa da história de guerra e conflitos, bem como a disputa pelas ilhas Senkaku e Takeshima.

Kishida pretende conversar com o ministro das Relações Exteriores chinês, Wang Yi, possivelmente domingo e na segunda-feira com o chanceler sul-coreano Yun Byung Se, nos bastidores da reunião da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean) com a participação do Japão, China e Coreia do Sul.

Em abril, o chanceler sul-coreano cancelou uma planejada visita a Tóquio para protestar contra a visita de membros do governo japonês ao Yasukuni Shrine, um santuário visto pela China e Coréia do Sul como um símbolo do militarismo japonês.

Em Brunei, Kishida e Yun vão realizar uma reunião trilateral na segunda-feira com o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, para fortalecer os laços e planejar o controle sobre os programas nucleares da Coréia do Norte.

 

Para saber mais sobre Política, clique em mundo-nipo.com/politica. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*