Sociedade

Prêmio “Herói Mundial da Liberdade de Imprensa” é concedido à jornalista japonesa morta na Síria

A jornalista japonesa, Mika Yamamoto, morreu enquanto cobria os combates em Aleppo, no norte da Síria, em 2012.

Do Mundo-Nipo

Mika Yamamoto (Imagem: Reprodução)

Mika Yamamoto (Imagem: Reprodução)

O Instituto Internacional de Imprensa anunciou que a jornalista japonesa, Mika Yamamoto, que morreu enquanto cobria os combates em Aleppo, no norte da Síria, em 2012, foi premiada com o “Herói Mundial da Liberdade de Imprensa 2013”.

Yamamoto foi com o 63º World Press Freedom Hero award, um prêmio concedido aos jornalistas por sua dedicação e contribuições em favor da liberdade de imprensa. Ela foi uma entre os 39 jornalistas mortos que cobriam a guerra civil na Síria em agosto do ano passado, de acordo com a Agence France-Presse (AFP).

A jornalista, que morreu aos 45 anos de idade, era especializada na cobertura de guerras. Ela trabalhava na agência de notícias Japan Press.

Em 2003 ela ganhou destaque depois de conseguir sobreviver a um bombardeio anglo-americano sobre o Hotel Palestine, em Bagdá, local onde se concentrava a maior parte da imprensa internacional. Durante o ataque, dois jornalistas foram mortos, um da agência Reuters e outro de uma emissora espanhola.

Antes de sua morte, a corajosa jornalista já havia trabalhado como correspondente de guerra em áreas críticas como Kosovo, Bósnia, Chechênia, Indonésia, Afeganistão, Uganda, na invasão dos Estados Unidos ao Iraque, entre outras guerras. Ela relatou a supressão das mulheres afegãs em Cabul e entrevistou membros do Taliban na guerra do Afeganistão.

Mika Yamamoto, filha de Koji Yamamoto, um ex-repórter do Asahi Shimbun, nasceu em Tsuru, uma cidade da província de Yamanashi, no dia 26 de maio de 1967.

Em outubro de 2012, estudantes da Universidade de Wasada, onde ela havia lecionado por quatro anos, organizaram um serviço memorial em sua homenagem. A cerimônia incluiu a exibição de um documentário sobre Yamamoto, além de declarações de seus amigos.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*