Sociedade

Polícia japonesa prende um dos chefes da Yakuza

O mafioso Satoru Nomura é líder da Kudokai, um dos grupos mais violentos da Yakuza.

Do Mundo-Nipo

A polícia japonesa prendeu nesta quinta-feira (11) o mafioso Satoru Nomura, líder de um dos grupos mais violentos da Yakuza, informou a imprensa japonesa.

 

Polícia japonesa prende um dos chefes da Yakuza (Foto: AJW)

Dezenas de policiais, incluindo a polícia de choque, cercaram a casa do mafioso Nomura nesta quinta-feira (Foto: AJW)

 

Segundo a emissora pública NHK, o mafioso Nomura, de 67 anos, é chefe da Kudokai e era procurado por matar Kunihiro Kajiwara, de 70 anos, em 1998. Segundo a polícia, a vítima, que foi assassinada a tiros em local público, era líder de uma cooperativa de pescadores e teria confrontado a Yakuza em uma obra pública no porto de Kitakyushu, no oeste do Japão.

A prisão de Nomura foi gravada. A NHK exibiu imagens com dezenas de policiais equipados com capacetes e coletes a prova de balas cercando a casa de Nomura, em Kitakyushu, na província de Fukuoka.

Segundo o jornal ‘The Asahi Shimbun’, a polícia também obteve um mandado de prisão para o número 2 do Kudokai, Fumio Tanoue, de 58 anos, acusado de homicídio e outros crimes, além de ser suspeito de ter participado do assassinato de Kajiwara em 1998.

Autoridades têm cada vez mais apertado o cerco das atividades da Kudokai em Kyushu. Em 2012, a Comissão de Segurança Pública da Prefeitura de Fukuoka designou a Kudokai como uma “organização de gangster particularmente perigosa”. Trata-se da primeira designação do tipo no Japão.

A polícia suspeita que o grupo Kudokai está por trás de uma série de ataques contra os cidadãos em Kitakyushu e municípios vizinhos em meio a esforços comunitários para expulsar os mafiosos da área.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*