Internet Sociedade

Cresce o número de viciados em Internet no Japão, diz governo

O estudo revela que viciados em Internet costumam ser negligentes no trabalho e nos afazeres domésticos.

Do Mundo-Nipo com Agência Kyodo

O número de pessoas que apresentam sintomas de uso abusivo da Web cresce a cada dia. No Japão, são 4,2 milhões de usuários considerados dependentes da internet, segundo um estudo encomendado pelo governo do país e divulgado nesta quarta-feira (15).

O estudo, elaborado por especialistas convocados pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem Estar Social do Japão, entrevistou mais de 4.000 pessoas no ano passado. Os pesquisados, com idades a partir de 20 anos, foram selecionados aleatoriamente nas 47 províncias do país.

Os resultados sugerem que o número de dependentes da internet é até 50% mais elevado que o registrado no último levantamento, em 2008.

Segundo os especialistas, a negligência no trabalho e nos afazeres domésticos são apontados como principais indícios de que uma pessoa esteja gastando mais do seu tempo conectados à Internet.

O estudo mostra ainda que os jovens são mais susceptíveis de se tornarem dependentes. Ele sugere que um em cinco homens com idades entre 20 a 24 anos são viciados, passando a maior parte do dia online.

O presidente do painel que elaborou o estudo, Susumu Higuchi, culpa a rápida disseminação dos smartphones e serviços de redes sociais. Higuchi trabalha com National Hospital Organization, Kurihama Medical, e o Centro de Toxidependência.

De acordo com Higuchi, as pessoas podem evitar o vício, reservando diariamente uma quantidade de tempo específica longe da internet, aumentando esse tempo a cada dia para assim então conseguir ter uma “vida saudável”, tanto no trabalho como junto dos familiares e amigos.

== Kyodo

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*