Sociedade

Japão registra quase 100 raptos de crianças em 2013

O relatório da Agência de Polícia do Japão revela que, do total de raptados, 32 crianças tinham idades de 0 a 5 anos.

Do Mundo-Nipo

O número de crianças menores de 12 anos raptadas no Japão atingiu o recorde de 94 em 2013, de acordo com o relatório da Agência Nacional de Polícia ((NPA), na sigla em inglês), divulgado nesta quinta-feira (25).

 

Crianças uniformizadas (Foto: Aflo Images)

Do total, 32 crianças envolvidas em raptos ou casos de cárcere privado tinham idades de 0 a 5 anos (Foto: Aflo Images)

 

Segundo a agência, o relatório envolve crianças raptadas, sequestradas (com intuito de resgate por troca de dinheiro) e/ou mantidas temporariamente, ou não, em cárcere privado. Do total registrado, quase metade dos casos envolviam crianças entre 6 e 12 anos que foram atacadas enquanto caminhavam da escola para casa, no horário das 14h às 18h.

Desse total, 65% das vítimas eram meninas. Por idade, 32 crianças envolvidas em raptos ou casos de cárcere privado tinham idades de 0 a 5 anos, enquanto 62 eram estudantes de 6 a 12 anos.

O levantamento não cita quantas crianças foram mortas ou conseguiram escapar com vida, como também não menciona se elas foram vítimas de abuso sexual durante o aprisionamento.

A agência alerta para que as comunidades locais, como associações de bairros e escolas, precisam de maior conscientização sobre os riscos e devem criar medidas para reduzir o número de crimes.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários