Sociedade

Japão fornecerá US$ 5 bi ao fundo do Banco Mundial pela luta contra a miséria

Entre todas as nações, Japão é o que mais está contribuindo para o programa que visa erradicar a pobreza no mundo.

Do Mundo-Nipo

Jim Yong Kim e Kenichiro Sasae (Imagem: Reprodução/NHK)

Jim Yong Kim e Kenichiro Sasae assinaram o acordo na sexta-feira (Imagem: Reprodução/NHK)

O Japão assinou um documento para fornecer novos recursos ao Banco Mundial como parte de um acordo feito no ano passado entre os países membros do Banco Mundial, no qual prometeram contribuir com mais de US$ 52 bilhões, no decorrer dos próximos três anos, para incrementar o fundo pela luta contra a miséria no mundo.

O presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, e o embaixador japonês para os Estados Unidos, Kenichiro Sasae, assinaram o acordo na sede do banco em Washington, na sexta-feira (27).

O Japão prometeu oferecer cerca de US$ 5 bilhões, mais que qualquer outra nação, entre doações e empréstimos ao órgão.

Os recursos fornecidos pelo Japão e outros países serão usados para o desenvolvimento de infraestrutura, vacinações e outros projetos, de modo a atingir a meta do Banco Mundial de “erradicar a pobreza no mundo” até 2030.

(Com informações da NHK News)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe uma resposta