Tecnologia

Japão pretende desenvolver satélites de baixo custo para países emergentes

O Governo japonês estuda desenvolver os satélites de baixo custo para ajudar os países do Sudeste asiático na prevenção de desastres naturais.

Do Mundo-Nipo

Satélite de observação (Imagem ilustração)

Satélite de observação (Imagem ilustração)

O governo do Japão estuda desenvolver satélites de observação a um baixo custo, em conjunto com o setor privado, para suprir as crescentes necessidades desse serviço nos países emergentes da Ásia, informou o jornal Nikkei nesta quinta-feira.

Segundo o jornal japonês, o novo governo planeja oferecer estes novos satélites de observação para ajudar na prevenção de desastres naturais a um custo abaixo dos 10 milhões de ienes, cerca de 234 mil reais, para países como o Vietnã, Tailândia e outros mercados do Sudeste asiático.

O intuito principal do Japão é ajudar aos países desta região que constantemente sofrem com as intempéries do tempo como os catastróficos tufões e as tempestades, que em dezembro passado arrasou as Filipinas, além dos incessantes terremotos e erupções comuns nesta parte da Ásia.

Está prevista uma aliança entre os setores públicos e privados, tanto na produção como na distribuição dos satélites, com o objetivo de estabelecer a marca de quatro ou mais lançamentos anuais a partir de 2017..

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários