Tecnologia

Grupo japonês assina acordo com indianos para enviar sonda à Lua

Foto: iStock

Trata-se da primeira sonda lunar construída no Japão. O veículo espacial será enviado à Lua em 2017.

Um grupo de engenheiros do Japão assinou um importante contrato com indianos para enviar uma sonda lunar à Lua, que deverá ser lançada no final do ano que vem, informou nesta quarta-feira (21) a emissora estatal japonesa ‘NHK’.

Formada por 100 integrantes e denominada Hakuto, a equipe japonesa completou o protótipo da sonda lunar em agosto. Takeshi Hakamada, líder da equipe, explicou à ‘NHK’ que a sonda tem cerca de 60 centímetros de comprimento e pesa quatro quilos.

A sonda está sendo testada em dunas de areia e terrenos de relevo irregular no Japão. Trata-se da primeira sonda lunar construída no Japão.

Inicialmente, o plano era enviar a sonda à Lua em meados de 2017, a bordo do foguete Falcon 9, produzido por uma empresa dos Estados Unidos, mas os parceiros da Hakuto naquele país se afastaram do projeto.

Agora, a equipe anunciou a assinatura de um contrato com uma equipe da Índia, que planeja lançar a sonda japonesa em dezembro de 2017.

“Estou muito animado”, disse Hakamada após confirmar a ‘NHK’ o anúncio do contrato que garante o envio da sonda à Lua.

Comentários