Cultura

Sashihara é a integrante mais popular do grupo AKB48, diz enquete

Uma enquete revelou que Rino Sashihara é a mais querida entre as dezenas de integrantes do grupo mais popular do Japão.

Do Mundo-Nipo

A cantora Rino Sashihara conquistou o cobiçado 1º lugar de popularidade entre as integrantes do grupo J-pop feminino AKB48, de acordo com uma enquete anual sobre o grupo, divulgada neste sábado (08), informou a agência Kyodo News.

 

Rino Sashihara (Foto: Divulgação)

A enquete revelou que Rino Sashihara é a mais querida entre as dezenas de integrantes do grupo mais popular do Japão (Foto: Divulgação)

 

A famosa enquete anual, que também inclui as integrantes dos grupos associados, revelou que Sashihara, de 20 anos, é a mais querida de todas.

Sashihara, que no ano passado mudou de AKB48 para o HKT48, um grupo J-pop associado, com sede em Fukuoka, recebeu 150.570 votos para conquistar, pela primeira vez, o 1º lugar.

A cantora foi transferida de grupo em 16 de junho de 2012 pelo produtor Yasushi Akimoto, em resposta a um escândalo envolvendo o vazamento de fotos de nudez parcial, distribuídas por um suposto “ex-amigo”.

Sashihara, que a despeito do escândalo revelou ser a mais querida entre as dezenas de integrantes do grupo mais popular do Japão, disse: “Eu senti que não estou sozinha. Meus sinceros agradecimentos a todas as pessoas que votaram em mim”.

 

Sobre as regras do grupo

O AKB48 foi criado no final de 2005 por Yasushi Akimoto, e tem a castidade de suas integrantes como uma das principais regras, ou seja, elas não podem ter relações sexuais ou qualquer tipo de relação amorosa, como ter um namorado ou apenas ‘ficar’ com alguém.

O grupo foi criado com o objetivo de ter “A reunião diária de idols”, o AKB48 se apresenta no exclusivo Teatro AKB48 quase todos os dias e hoje tem fãs por todas as partes do mundo. O grupo conseguiu isso graças a sua proximidade do público, já que o acesso a grande maioria das “idols” é praticamente impossível.

Esse voto de castidade das meninas “Idol do AKB”, aparentemente foi algo para suprir a esperança de alguns fãs frustrados de um dia poderem ter uma chance com essas meninas que eles julgam ser puras, ou seja, uma fantasia.

O mais impressionante é que essa regra evidentemente não é aplicada para todas as idols, porém, existem algumas agências que também mantem algumas regras parecidas, que simplesmente não permitem que suas idols, modelos, atrizes ou cantoras, tenham ou mantenham alguma relação amorosa.

O AKB é um grupo que desde sua criação vem batendo recordes de venda. Somente no ano passado elas colocaram nada mais, nada menos, que cinco singles no ranking dos mais vendidos no Japão, além de ocupar as cinco primeiras posições do ranking.

Todo esse sucesso exerce uma grande exposição e tem suas consequências, sejam elas boas ou ruins, é o preço que essas meninas pagam pela fama.

O escândalo envolvendo Sashihara causou seu rebaixamento do AKB48 para um grupo irmão, o HKT48, que tem menos destaque da mídia, o que sugeriu uma espécie de punição para o que seria um ato “banal” para pessoas “normais”.

Minami Minegishi (Foto: Reprodução / Edição Mundo-Nipo)

Minami Minegishi disse que decidiu sozinha castigar sua conduta “impensada e imatura” raspando a cabeça (Foto: Reprodução / Edição Mundo-Nipo)

Já houve outros supostos casos de quebra de “regra de castidade”. O último foi envolvendo uma das mais famosas do AKB48, Minami Minegishi, que foi vista saindo da casa de um amigo, onde supostamente passou a noite.

Após a divulgação do incidente, ela simplesmente, em um ato de desespero, raspou seu cabelo e gravou um vídeo pedindo desculpas. O vídeo foi parar no YouTube, onde rapidamente percorreu o mundo, assustando e comovendo milhares de pessoas.

Entretanto, apesar do dramático pedido de desculpas, Minami Minegishi foi rebaixada e simplesmente colocada em um grupo que é uma espécie de acesso do AKB, onde ficam as iniciantes ou as consideradas menos preparadas.

 

Para saber mais sobre Cultura, clique em mundo-nipo.com/variedades/cultura. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*