Cultura

UNESCO reconhece monumentos históricos da Coreia do Norte como Patrimônio Mundial

O novo patrimônio é constituído por palácios, uma fortaleza e um complexo de tumbas datadas dos séc. X ao XIV.

Do Mundo-Nipo

Doze monumentos históricos de Kaesong, antiga capital norte-coreana na dinastia Koryo, foram inscritos na lista do Patrimônio Mundial da UNESCO no último domingo, em Phnom Penh, Camboja.

 

A Ponte Sonjuk é um dos 12 monumentos em Kaesong listados como Patrimônio Mundial da UNESCO (Foto: Yonhap)

A Ponte Sonjuk é um dos 12 monumentos em Kaesong listados como Patrimônio Mundial da UNESCO (Foto: Yonhap)

 

Esta é a segunda vez que um patrimônio norte-coreano é listado, após o complexo dos Túmulos Koguryu em 2004.

O novo patrimônio é constituído por palácios, uma fortaleza e um complexo de tumbas datadas dos séc. X ao XIV.

O comitê disse que o complexo testemunha a transição do Budismo para neo-Confucionismo na Ásia Oriental.

Kaesong fica perto da zona desmilitarizada entre a Coreia do Norte e Coreia do Sul. Os dois países operavam um parque industrial na cidade até abril.

 

 

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*