III Simpósio de Cooperação Científica Brasil-Japão em São Paulo

O simpósio é organizado pelo Hospital Santa Cruz em parceria com o Hospital da Universidade de Tsukuba.
Hospital Santa Cruz Foto Divulgacao
Hospital Santa Cruz | Foto: Divulgação

O Hospital Santa Cruz (HSC), em parceria com o Hospital da Universidade de Tsukuba (HUT), no leste do Japão, realiza no próximo dia 11 de janeiro o III Simpósio de Cooperação Científica Brasil-Japão, que acontece no auditório do Hospital Santa Cruz, em São Paulo, das 8h às 18h.

Em 2016, o Hospital Santa Cruz realizou o I Simpósio de Cooperação Científica Brasil-Japão em parceria com a Universidade de Osaka. No início de 2017, a segunda edição foi em conjunto com a Universidade de Tsukuba e a Faculdade de Medicina da USP – FMUSP, e esta terceira edição reforça o compromisso que o Hospital Santa Cruz tem em promover a disseminação de conhecimento e contribuir com o desenvolvimento do serviço de saúde no país. Além dos simpósios, o HSC também firmou um acordo com a Universidade de Tsukuba e realizam intercâmbios médicos de diversas áreas, trazendo avanços significativos para a medicina e melhorando a qualidade de atendimento à população.

“A Universidade de Tsukuba é um dos principais centros de referência nos campos da medicina e pesquisa científica no mundo, e termos a possibilidade de compartilhar essas informações é de suma importância para os médicos brasileiros, que podem ter acesso às técnicas diferenciadas, enriquecendo os diagnósticos e tratamentos em diferentes instâncias. Estamos honrados em receber mais uma vez especialistas renomados, que além de participarem do simpósio também estarão presentes durante uma semana em atividades junto a nossa equipe, trocando experiências”, declara Renato Ishikawa, presidente do Hospital Santa Cruz.

O Prof. Dr. PhD. Minoru Akiyama, Chefe do Centro Médico Internacional do HUT, fará a abertura do simpósio e abordará a importância da cooperação técnica internacional na área médica, com casos da Universidade de Tsukuba e da JICA – Agência de Cooperação Internacional do Japão.

Na área de Oftalmologia, estarão presentes no evento, médicos especialistas do Japão – Dr. Fumiki Okamoto, Chefe do Setor de Retina do HUT, e Dr. PhD. Sujin Hoshi – que abordarão a temática ‘Panorama de atuação no Japão em Oftalmologia nas áreas de plástica ocular e retina cirúrgica’.

O Dr. Sujin Hoshi apresentará o uso do endoscópio do ducto nasolacrimal, aparelho ainda não disponível no Brasil, mas largamente utilizado no Japão. O médico-especialista explicará como o endoscópio serve para o diagnóstico e até tratamento em casos específicos de obstrução das vias lacrimais. Já o Dr. Fumiki Okamoto, apresentará o panorama das cirurgias vitreorretinianas realizadas no Japão e mostrará as inovações relacionadas ao desenvolvimento de componentes de vítreo artificial.

Segundo a Dra. Tatiana Tanaka, coordenadora do simpósio da área de oftalmologia e diretora do Santa Cruz Eye Institute – Oftalmologia do Hospital Santa Cruz, essa interação abre novos horizontes, uma vez que os especialistas japoneses estão trazendo novas técnicas de cirurgia da mácula e de desobstrução do ducto nasolacrimal. “Sem dúvida as novidades são de grande relevância para a classe médica, pois a interação poderá inovar e ampliar as técnicas para o tratamento de oftalmologia em todo o país”, afirma.

Nas palestras sobre Gastroenterologia, os médicos Prof. Dr. PhD. Yuji Mizokami, Diretor da Divisão do Centro Endoscópico do HUT, e o Dr. PhD. Toshiaki Narasaka, Vice-diretor da Divisão do Centro Endoscópico do HUT, abordarão o tema ‘Estado atual do diagnóstico e tratamento do câncer gastrointestinal no Japão’. O Prof. Mizokami falará sobre o diagnóstico e tratamento dos cânceres precoces colorretal e de esôfago, enquanto o Dr. Narasaka abordará o diagnóstico e o tratamento do câncer gastrointestinal precoce e a endoscopia transnasal, exame via nasal sem anestesia.

Dr. Luis Maruta, coordenador do simpósio da área de gastroenterologia e Chefe de Endoscopia do Hospital Santa Cruz, explica que os especialistas do Hospital da Universidade de Tsukuba transmitirão aos médicos presentes novos procedimentos de endoscopia e colonoscopia, com o objetivo da prevenção dos cânceres de estômago, esôfago e colorretal. No Japão, 50% dos casos de câncer de estômago são tratados por endoscopia, sem a necessidade de cirurgia, pois há uma prevenção maior por meio de exames regulares a partir dos 50 anos de idade. Já no Brasil, somente é diagnosticado 25% dos casos na fase inicial. “Tenho certeza que o simpósio trará aos médicos brasileiros relevantes informações técnicas de como rastrear e identificar o câncer precocemente, para tratarmos de forma menos invasiva nossos pacientes, assim como é realizado no Japão”, complementa.

Serviço
Evento: III Simpósio de Cooperação Científica Brasil-Japão
Hospital Santa Cruz e Hospital da Universidade de Tsukuba
Data: 11 de janeiro de 2018
Horário: 8h às 18h
Local: Auditório do Hospital Santa Cruz
Endereço: Rua Santa Cruz, 255 – Vila Mariana, São Paulo – SP
Idioma oficial do evento: inglês
Realização: Hospital Santa Cruz e Hospital da Universidade de Tsukuba
Vagas limitadas e inscrições gratuitas: (11) 5080-2062 | [email protected]: http://www.hospitalsantacruz.com.br

* Conteúdo divulgado pela empresa A4&Holofote Comunicação e sugerido ao Mundo-Nipo que, por sua vez, não é responsável pelo material.

Total
0
Shares
Previous Article
Porto de Toquio Foto Reproducao YouTube AFP

Japão melhora previsão de crescimento da economia

Next Article
Setor de embarque no Aeroporto Internacional de Kansai Foto Kyodo 05092016 900x600 min

Japão registra número recorde de turistas em novembro

Related Posts