Ciência e Saúde

Os malefícios de ser uma pessoa facilmente influenciável

©Alamy/Free

Se você tem pouca vontade própria, e facilidade em seguir o comportamento de outros, pode ser que esteja precisando de ajuda psicológica.

  • 79
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
    80
    Shares

Ser facilmente influenciável, na maioria dos casos, é o mesmo que não ter vontade própria, uma vez que, indireta ou diretamente, a pessoa acaba por satisfazer e/ou seguir o comportamento de outros, deixando os próprios desejos de lado.

A persuasão está em toda parte, podendo ser encontrada em redes sociais, na TV, nos anúncios publicitários, em grupos de amigos, no trabalho, nos estabelecimentos de ensino e até no seio familiar.

O indivíduo influenciável, em um conceito de fácil entendimento, é aquele que possui certo grau de obediência perante regras estabelecidas por outro indivíduo, mas precisamente pela sociedade de modo geral.

©Stockvault

Pessoas facilmente persuasivas podem gastar o que não tem, e até contrair dívidas altíssimas para comprar produtos que não precisam, isso porque foi influenciada a comprar.

Estudos

Segundo um estudo publicado na revista científica Science Direct, a razão para esse comportamento pode estar na personalidade. “A facilidade com que uma pessoa é influenciada depende de certos traços de personalidade”, diz o estudo.

Porém, existe uma gama de estudos que defendem várias teorias para esse tipo de comportamento que, por sua vez, tem um melhor entendimento quando é baseado na psicologia, mais precisamente no fenômeno chamado Reatividade.

Reatividade

Basicamente, a reatividade é um fenômeno psicológico que ocorre quando alguém muda a forma como se comporta porque sabe que está sendo observado. Seu comportamento pode se tornar mais positivo ou negativo, dependendo da situação e das pessoas envolvidas. A pessoa que está sendo observada pode mudar seu comportamento com base no que o observador espera dela.

Além da definição básica, os cientistas identificaram vários tipos distintos de reatividade: Efeito Hawthorne, Efeito John Henry, Efeito Experimentador, Efeito observador-expectativa, Efeito Pigmalião, Efeito Golem, Efeito Bradley, Efeito do olho observador.

A reatividade pode ser, em um de seus efeitos, traduzidas como reação ao comportamento de outros. A pessoa, portanto, tende a reagir conforme o que as pessoas esperam dela, ignorando a própria vontade.

Um comportamento altamente influenciável está na reação do Efeito do olho Observador, que é um tipo de reatividade em que as pessoas podem mudar seu comportamento mesmo quando apenas veem imagens de olhos, tais como a foto de um olho afixada na parede. Esse efeito dá às pessoas suscetíveis a sensação de que estão sendo vigiadas, mesmo que ninguém esteja presente. Elas sabem que não são olhos reais, mas respondem a eles como se fossem, deixando uma simples imagem persuadi-la.

©Montagem Mundo-Nipo
Influenciável, influenciador e seus efeitos

Se você ou outra pessoa está reagindo fortemente a algo ou a alguém, as consequências podem ser bastante negativas. Por exemplo, se você é um estudante e seu professor espera o pior de você, poderá ter problemas para alcançar a nota desejada. Se você é um trabalhador e seu chefe não lhe dá as oportunidades que você deseja, sua reação negativa poderá ser em razão da influência dele.

Como consumidor, você pode se sentir no dever de comprar por influencia do modismo, mesmo não gostando da “moda” em questão.

Na relação com a sociedade em um grupo maior de membros, há aqueles que inspiram valores e comportamentos, como é o caso da influência da mídia, atualmente o maior influenciador em massa, e no qual pessoas facilmente suscetíveis são extremamente expostas.

Ajuda

É sempre uma boa ideia entender o que está acontecendo consigo para poder lidar com esse tipo de problema de forma adequada e eficaz. Se você acredita que instâncias de reatividade (influência) – iniciadas por você mesmo ou por outros – estão tendo consequências negativas em sua vida, você pode considerar procurar ajuda de profissionais da saúde mental.

Existe uma gama de consultórios com psicólogos prontos a ajudar. Contudo, a terapia online é uma praticidade dos novos tempos. Falar com um psicólogo pode ser algo instantâneo, a ajuda ocorre na mesma hora por meio de plataformas online como a BetterHelp.

O aconselhamento online tornou-se uma excelente opção após o surto da Covid-19. Felizmente, muitos estudos clínicos demonstraram repetidamente que a terapia online funciona tão bem quanto a terapia pessoal, principalmente por questões de mobilidade, praticidade e celeridade.

Você pode acessar informações ou tratamento de especialistas de qualquer lugar que tenha uma conexão com a internet. Terapeutas estão disponíveis a qualquer hora para falar com você quando quiser.

  • 79
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
    80
    Shares