Economia

Os 27 países com os maiores salários mínimos; Japão está na lista

Os trabalhadores no Japão têm a 13ª maior remuneração mínima do mundo, de acordo com a OCDE.

Do Mundo-Nipo

A Austrália tem o salário mínimo nacional mais generoso do mundo desenvolvido, de acordo com o mais recente relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Divulgado em maio, o relatório classificou 27 nações que possuem leis que estabelecem um valor mínimo para o salário. Oito países (Finlândia, Suécia, Dinamarca, Noruega, Islândia, Áustria, Suíça e Itália) não estão incluídos na lista da OCDE. Isso porque estes países não têm regras federais relativas ao salário mínimo. No entanto, muitos deles são conhecidos por pagar salários relativamente elevados por causa da força de seus sindicatos, o que significa que esses governos não precisam intervir para que os trabalhadores recebam salários dignos.

Os dados são relativos aos salários mínimos pagos por hora em cada país a partir de 2013. A OCDE então desconta os impostos referentes a cada nação e converte a moeda local em dólares norte-americanos.


saiba mais


Veja o novo valor do salário mínimo no Brasil em 2015; tabela diferente em 5 Estados


Primeiro-ministro do Japão promete aumento de salários


Japão figura na lista dos 10 países com os maiores salários mínimos


De acordo com o relatório, trabalhadores na Austrália ganham US$ 10,38 por hora. Depois de descontado os impostos, o valor por hora equivale a US$ 9,54. Isso significa que, por mês, o profissional que mora no país ganha, no mínimo, US$ 4.784 ou cerca de R$ 14.847, de acordo com a cotação de terça-feira (23) do Banco Central do Brasil.

“Eles [australianos] têm um salário mínimo alto. E, curiosamente, têm uma baixa carga tributária”, disse Herwig Immervoll, autor do relatório da OCDE.

Há outros países com salários mínimos (bruto) superiores ao da Austrália, mas fatores como impostos, além do próprio custo de vida, acabam por desvalorizar o salário em nações como a França (US$ 8,24/hora), por exemplo, onde há fortes encargos tributários.

Com uma remuneração mínima de US$ 5,52 por hora, já descontados os encargos, Japão está classificado em 13º no relatório da OCDE.

Letônia e México têm as menores remunerações mínimas da lista, com US$ 1,46 e US$ 1,01 por hora, respectivamente. O Brasil não está na lista, mas ele não fica muito longe, com US$ 1,57 por hora em quantia bruta, sem descontar os impostos.

*Alemanha só implementou a lei do salário mínimo em 2015. Portanto, os cálculos para o país são esvaziado para 2013.

Veja abaixo os 27 países com os salários mínimos mais altos, incluindo dados relativos aos valores por hora e porcentagem de descontos:

1. Austrália
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 10,38
Contribuições sociais e imposto de renda: 8,1%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 9,54

2. Luxemburgo
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 10,85
Contribuições sociais e imposto de renda: 14,8%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 9,24

3. Bélgica
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 10,55
Contribuições sociais e imposto de renda: 18,7%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 8,57

4. Irlanda
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 8,89
Contribuições sociais e imposto de renda: 4,9%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 8,46

5. França
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 10,60
Contribuições sociais e imposto de renda: 22,2%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 8,24

6. Holanda
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 10,17
Contribuições sociais e imposto de renda: 19,4%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 8,20

7. Nova Zelândia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 8,78
Contribuições sociais e imposto de renda: 14,0%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 7,55

8. *Alemanha
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 9,69
Contribuições sociais e imposto de renda: 25,8%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 7,19

9. Canadá
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 7,87
Contribuições sociais e imposto de renda: 8,9%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 7,18

10. Reino Unido
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 7,85
Contribuições sociais e imposto de renda: 10,1%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 7,06

11. Estados Unidos
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 7,25
Contribuições sociais e imposto de renda: 13,7%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 6,26

12. Coreia do Sul
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 6,41
Contribuições sociais e imposto de renda: 8,7%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 5,85

13. Japão
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 6,68
Contribuições sociais e imposto de renda: 17,3%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 5,52

14. Espanha
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 5,73
Contribuições sociais e imposto de renda: 6,4%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 5,37

15. Eslovênia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 6,71
Contribuições sociais e imposto de renda: 23,5%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 5,14

16. Israel
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 5,33
Contribuições sociais e imposto de renda: 8,5%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 4,87

17. Grécia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 5,30
Contribuições sociais e imposto de renda: 16,5%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 4,42

18. Portugal
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 4,96
Contribuições sociais e imposto de renda: 11,0%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 4,41

19. Polônia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 4,86
Contribuições sociais e imposto de renda: 26,2%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 3,59

20. Turquia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 4,43
Contribuições sociais e imposto de renda: 21,3%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 3,49

21. República Eslovaca
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 3,45
Contribuições sociais e imposto de renda: 13,4%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 2,99

22. República Tcheca
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 3,19
Contribuições sociais e imposto de renda: 11,0%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 2,84

23. Hungria
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 3,94
Contribuições sociais e imposto de renda: 34,5%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 2,58

24. Estônia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 2,22
Contribuições sociais e imposto de renda: 14,7%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 2,49

25. Chile
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 2,74
Contribuições sociais e imposto de renda: 19,1%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 2,22

26. Letônia
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 2,00
Contribuições sociais e imposto de renda: 27,0%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 1,46

27. México
Valor por hora do mínimo bruto: US$ 0,87
Contribuições sociais e imposto de renda: -17,0%
Valor por hora do mínimo líquido: US$ 1,01

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.