Golpes no setor de criptomoedas tornam a regulamentação inadiável

A falta de educação em finanças e investimentos online são os principais motivos pelos quais a população acaba sendo vítima de golpe.
Regulamentacao de criptomoedas Foto Stockvault Images 26012022 02
©Stockvault Images

Recentemente, debates sobre a regulamentação do mercado de criptomoedas dentro do Brasil vem, ainda de forma lenta, envolvendo várias fontes diferentes como, por exemplo, o Congresso Nacional, vários órgãos reguladores do mercado financeiro, instituições financeiras e até mesmo os consumidores.

Esse assunto acabou ganhando muitas manchetes negativas, principalmente por conta da onda de golpes que vêm acontecendo nos últimos meses. Muitos especialistas acreditam que, considerando a pouca supervisão que essas negociações têm, e o fato de que esses ativos já conquistaram uma grande parcela do mercado financeiro, o governo já está até mesmo atrasado na regulamentação desse segmento.

Atualmente, a falta de educação sobre finanças é um dos principais motivos pelos quais a população acaba sendo vítima desse tipo de golpe. Geralmente, as pessoas acabam se encantando com a possibilidade de seu dinheiro render de forma extraordinária, já que esses golpes têm narrativas que prometem um excelente retorno.

Esse tipo de golpe é aplicado há muito tempo, e não é uma novidade desenvolvida pelo setor dos criptoativos, sendo que ao longo da história do Brasil ele já foi aplicado com ouro, dólar, terrenos e muitos outros tipos de valores mobiliários.

Melhor forma de evitar os golpes

Para os especialistas, quem decide atuar dentro do setor de criptomoedas está automaticamente escolhendo lidar com os riscos e a volatilidade desse mercado, assim como acontece em qualquer outro tipo de investimento.

Dentro do mercado de investimentos tradicional, existe a possibilidade também do investidor ganhar pouco além de sua rentabilidade fixa, e geralmente isso envolve correr alguns riscos. A grande diferença é que no mercado tradicional existe regulamentação e proteção para o investidor, o que atualmente não existe dentro do setor de cripto.

Ao passar por uma regulamentação, o mercado vai então definir padrões mínimos para informação, a fim de que as pessoas consigam tomar suas decisões de forma muito mais consciente. Isso não quer dizer que o investidor não vai ter a possibilidade de perder dinheiro, mas que ele vai entrar no investimento sabendo que isso pode acontecer.

Mas por mais que esse mercado seja regulado, a verdade é que o problema reside na falta de educação financeira, já que, quem estuda sobre o setor de cripto, sabe muito bem de todos os pontos positivos e negativos desse mercado, assim como as melhores formas de evitar cair em golpes ou fraudes.

Mas para obter informação de boa qualidade e fiável, é necessário que o investidor procure um site que ligue as pessoas aos corretores, dando dicas sobre o mercado e também sobre os corretores onde comprar Bitcoin. Uma tal plataforma de negociação criptográfica é Bitcoin loophole.

Vale a pena investir em criptomoedas?

A resposta simples para esse tipo de pergunta é sim! Vale a pena investir no setor de cripto, entretanto, a verdade é que esse mercado de ativos não é para todo investidor, e tem um perfil mais adequado para quem é um investidor mais arrojado.

Não que os investidores mais tradicionais não possam fazer aportes para esse tipo de investimento, pelo contrário, existem várias possibilidades de investir, sem ter que ficar fazendo trade.

Mas os melhores resultados sempre vão aparecer para quem está disposto a ficar analisando o mercado, vendas e movimentações das principais criptomoedas e criptoativos, a fim de aproveitar as oportunidades que podem surgir de uma noite para outra.

Por exemplo, recentemente o presidente da Tesla, Elon Musk, postou uma foto em seu Twitter se referindo a um ativo digital, que em menos de dois dias subiu mais de 400% simplesmente por conta dessa foto. São essas oportunidades que podem fazer a realidade de alguém mudar do dia para a noite dentro do setor de cripto.

Outra boa estratégia é o Hold, onde você vai comprar determinada moeda, por exemplo, o Bitcoin, quando ele estiver em sua próxima grande baixa, e só vai voltar a vender quando ele bater sua próxima alta histórica, o que com certeza vai fazer você ter bons lucros.

De uma forma ou de outra, é indicado também que você entre nesse mercado antes que ele seja completamente regulamentado, já que isso com certeza vai afetar os preços e pode fazer com que o setor não seja tão lucrativo.

Total
3
Shares
Previous Article
Crianca ganha Bitcoin do pai Depositphotos 469731866 L 900x600 02

Bitcoin: uma nova ideia de presente para as crianças

Next Article
Pessoas de negocios

Aprenda a usar a persuasão para alcançar seus objetivos

Related Posts