Economia

Tóquio ocupa 5º lugar em ranking das cidades mais influentes da economia global

Tóquio figura no importante ranking que avaliou 58 áreas metropolitanas ao redor do mundo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

A capital do Japão foi relacionada em quinto lugar o ranking das cidades mais influentes do mundo compilado pelo escritor e professor de desenvolvimento urbano Joel Kotkin, que desenvolveu o ranking em parceria com o ex-consultor da Accenture Aaron Renn e o demógrafo Wendell Cox.

 

Pessoas andando em Shibuya, no centro de Tóquio (Foto: Kyodo)

A cidade de Tóquio ocupa a mesma posição no ranking financeiro da Z/Yen, divulgado recentemente (Foto: Reuters/Kyodo)

 

Publicado este mês pela revista Forbes, o estudo avaliou 58 áreas metropolitanas em 8 dimensões, entre elas diversidade (porcentagem da população que nasceu em outro país), média de investimento estrangeiro direto nos últimos 5 anos, importância estratégia para indústrias globais, relevância em tecnologia e mídia e rede de serviços de apoio à produção.

“Mais do que tamanho e tradição, o que importa hoje para uma cidade ser genuinamente global são seus laços com o resto do mundo e sua capacidade de inovar”, diz o estudo.

Foram destacados três dados: número de sedes entre as empresas do Fortune Global 2000, conectividade aérea (porcentagem de outras cidades globais que podem ser alcançadas sem paradas no mínimo 3 vezes por semana) e serviços financeiros (usando como referência o ranking da Z/Yen divulgado recentemente).

 

Veja a seguir o top 9 das cidades mais influentes da economia global:

1. Londres, Reino Unido
Sedes da Forbes Global 2000: 68
Conectividade aérea: 89%
No ranking financeiro:

2. Nova York, Estados Unidos
Sedes da Forbes Global 2000: 82
Conectividade aérea: 70%
No ranking financeiro:

3. Paris, França
Sedes da Forbes Global 2000: 60
Conectividade aérea: 81%
No ranking financeiro: 29º

4. Singapura
Sedes da Forbes Global 2000: não tem
Conectividade aérea: 46%
No ranking financeiro:

5. Tóquio, Japão
Sedes da Forbes Global 2000: 154
Conectividade aérea: 59%
No ranking financeiro:

6. Hong Kong
Sedes da Forbes Global 2000: 48
Conectividade aérea: 57%
No ranking financeiro:

7. Dubai, Emirados Árabes Unidos
Sedes da Forbes Global 2000: não tem
Conectividade aérea: 93%
No ranking financeiro: 25º

8. Pequim, China (empate)
Sedes da Forbes Global 2000: 45
Conectividade aérea: 65%
No ranking financeiro: 59º

8. Sydney, Austrália (empate)
Sedes da Forbes Global 2000: 21
Conectividade aérea: 43%
No ranking financeiro: 15º

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •