Economia

Preços ao consumidor do Japão sobem 1,2%, a maior alta em cinco anos

O Ministério do Interior disse que a alta foi impulsionada pelo aumento nos preços da gasolina e de energia.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Os preços ao consumidor do Japão subiram 1,2% em novembro ante o mesmo mês do ano anterior, atingindo uma nova máxima em cinco anos, desde outubro de 2008, quando foi registrado um aumento de 1,9%, mostraram dados do governo nesta sexta-feira (27), sugerindo um progresso constante no esforço do banco central de acabar com 15 anos de deflação.

O núcleo do índice de preços ao consumidor, que inclui preços de energia, mas exclui os preços voláteis de alimentos frescos, situou-se em 100,7 contra uma base de 100 de 2010, marcando o sexto mês consecutivo de alta, de acordo com os dados do Ministério de Assuntos Internos e Comunicações.

Já os preços ao consumidor que exclui alimentos e energia, subiram 0,6%, registrando o maior aumento em mais de 15 anos, desde agosto de 1998.

Segundo o ministério, a alta foi impulsionada pelo aumento nos preços da gasolina e de energia, bem como nos preços de alguns bens duráveis que inclui eletrodomésticos, principalmente televisores.

As informações são da agência Kyodo. Todos os direitos reservados.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •