Meio ambiente e Energia

Premiê do Japão reafirma que pretende reiniciar reatores nucleares

Abe voltou a manifestar sua intenção de reiniciar os reatores nucleares comerciais, apesar das preocupações e protestos públicos após a crise na usina Fukushima Daiichi.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

A população japonesa é contra o reinício dos reatores (Foto: AFLO)

A população japonesa é contra o reinício dos reatores (Foto: AFLO)

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, declarou nesta segunda-feira (10), antes do terceiro aniversário da crise nuclear em Fukushima ocasionada pelo terremoto e tsunami de 2011, que o Japão irá reiniciar os reatores nucleares que foram confirmados seguros.

Abe voltou a manifestar sua intenção de reiniciar os reatores nucleares comerciais, apesar das preocupações e protestos públicos após a crise na usina Fukushima Daiichi.

“Eu gostaria de reiniciar (os reatores) confirmados seguros por normas rígidas introduzidas pela Autoridade Reguladora Nuclear, ao ganhar a compreensão das poluções locais”, disse Abe uma sessão da Câmara dos Vereadores da Comissão de Orçamento.

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisa em Cultura de Radiodifusão da Rede NHK, principal emissora pública do Japão, revelou nesta segunda-feira que mais de 80% dos japoneses são a favor da extinção da maioria ou de todas as usinas nucleares no Japão.

(Do Mundo-Nipo com informações da agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •