Meio ambiente e Energia Meteorologia

Tufão Noul deixa 5 feridos e mais de 5 mil casas sem energia no sul do Japão

No total, cerca de 5,6 mil residências estão sem luz nas ilhas Amami.

Do Mundo-Nipo

A passagem do tufão Noul no arquipélago de Amami, no sul do Japão, deixou nesta terça-feira (12) cinco feridos e milhares de casas sem energia. De acordo com a emissora pública “NHK”, os fortes ventos, com cerca de 180 km/h, levantaram os telhados de uma dúzia de casas na ilha de Tokunoshima, no arquipélago citado.

No total, cerca de 5,6 mil imóveis estão sem luz nas ilhas Amami por causa da tempestade, segundo dados da Kyushu Electric Power, operada de energia elétrica na região.

Às 11h50 locais (23h50 de Brasília da segunda-feira, 10), Noul, que foi classificado como tufão “forte”, se encontrava a cerca de 120 km ao nordeste da ilha de Tokunoshima e a aproximadamente 20 km ao norte de Oshima, a ilha mais povoada da região, segundo a Agência Meteorológica do Japão (JMA, na sigla em inglês).

O tufão, o sexto da temporada 2015 no Oceano Pacífico, se desloca a uma velocidade de aproximadamente 65 km/h rumo ao nordeste e está previsto que passe próximo das ilhas Kyushu e Shikoku, sul e sudeste do Japão, respectivaente. Além disso, o ciclone deve tocar o solo por volta das 21h locais (9h de Brasília) em Honshu, a ilha mais habitada do Japão.

A agência meteorológica mantém para quase todo o país a advertência de fortes chuvas e também alertou sobre a possibilidade de deslizamentos de terra.

Na segunda-feira (11), Noul deixou dois mortos e mais de 3,8 mil desabrigados em sua passagem pelo norte das Filipinas, mas perdeu força nas últimas horas.

(Com informações da NHK News e das agências Kyodo e EFE)

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.