Meio ambiente e Energia

Empresas japonesas devem investir em biomassa para compensar energia nuclear

Os líderes japoneses esperam o uso de energia renovável para compensar a suspensão da produção de energia nuclear no país.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Os líderes japoneses esperam o uso de energia renovável para compensar a suspensão da produção de energia nuclear no país. (Foto: reprodução NHK)

Os líderes japoneses esperam o uso de energia renovável para compensar a suspensão da produção de energia nuclear no país. (Foto: reprodução NHK)

O governo japonês está observando os resultados de um programa de subsídios para empresas entrarem no mercado de energia de biomassa.

A biomassa utiliza organismos ou materiais derivados de plantas que absorvem o dióxido de carbono, sendo uma energia amiga do meio ambiente.

Contudo, as empresas japonesas foram dissuadidas a entrar no mercado, devido ao aumento dos custos e menor rentabilidade.

O governo então apresentou em julho um programa de incentivos para empresas que vendem energia produzida a partir de fontes renováveis.

Uma das maiores revendedoras de petróleo do Japão, a Showa Shell Sekiyu, vai investir cerca de 16 bilhões de ienes, cerca de 164 milhões de dólares, em uma usina de biomassa em Kawasaki, perto de Tóquio.

Esta será a maior usina de biomassa do Japão, com capacidade de gerar 49 mil quilowatts.

Os líderes japoneses esperam o uso de energia renovável para compensar a suspensão da produção de energia nuclear no país desde a eclosão da crise em Fukushima Daiichi, em 2011.

As informações são da rede NHK.

 

Veja mais notícias sobre Meio Ambiente em mundo-nipo.com/meio-ambienteSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •