Meio ambiente e Energia

Investigação sobre vazamento de água radioativa em Fukushima Daiichi deve demorar

Cerca de 300 toneladas de água altamente radioativa vazaram do tanque de armazenamento e teme-se parte tenha chegado ao oceano.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

A Companhia de Energia Elétrica de Tóquio (Tepco) apresentou nesta terça-feira um plano de investigação sobre o vazamento de água radioativa de um tanque na usina nuclear Fukushima Daiichi para a Autoridade Regulamentadora Nuclear (ARN) do Japão, dando a entender que deve demorar semanas para descobrir a causa.

 

Cerca de 300 toneladas de água altamente radioativa vazaram do tanque de armazenamento e teme-se parte tenha chegado ao oceano. (Foto: Kyodo)

Cerca de 300 toneladas de água altamente radioativa vazaram do tanque de armazenamento e teme-se parte tenha chegado ao oceano. (Foto: Kyodo)

 

Cerca de 300 toneladas de água altamente radioativa vazaram do tanque de armazenamento e teme-se parte tenha chegado ao oceano.

A Tepco informou que possíveis causas do vazamento incluem articulações soltas, peças deterioradas e corrosão na parte inferior ou nas laterais do tanque.

A empresa disse que os níveis de radiação no tanque são altos e que planeja remover os materiais radioativos na próxima semana para uma investigação interior. A Tepco também deve desmontar o tanque para mais verificações.

A ARN disse para Tepco acelerar sua investigação e que a causa poderá ocorrer nos demais tanques feitos do mesmo material, por isso medidas devem ser tomadas para os cerca de 300 tanques da usina.

As informações são da rede NHK.

 

Veja mais notícias sobre Meio ambiente e Energia, clique em mundo-nipo.com/variedades/curiosidadesSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •