Meio ambiente e Energia Política

Premiê do Japão promete minimizar dependência de energia nuclear no país

O primeiro-ministro disse que o governo vai elaborar uma política responsável de energia mista, que inclui a geração de energia nuclear.

Do Mundo-Nipo

Primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe (Foto: Kyodo)

Primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe (Foto: Kyodo)

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, se comprometeu nesta sexta-feira (18) em reduzir tanto quanto possível a dependência em energia nuclear do país.

O secretário chefe do Partido Comunista Japonês, Tadayoshi Ichida , disse durante uma sessão no Parlamento que todos os reatores nucleares do país estão desligados com pessoas estão levando suas vidas habituais e isso não fez a economia entrar em colapso.

Ichida questionou o premiê japonês e disse que era o momento de acabar com a geração de energia nuclear no Japão.

Abe respondeu que a suspensão das atividades nucleares no país levou a maior dependência do petróleo e outros combustíveis fósseis.

Ele disse que a vida da população e a economia têm sido muito afetadas, pois a importação de combustível aumentou 30 bilhões de dólares e o aumento no preço da energia elétrica aumentou no país.

O primeiro-ministro disse que o governo vai elaborar uma política responsável de energia mista, que inclui a geração de energia nuclear.

Abe, no entanto, prometeu promover energias renováveis e medidas de economia de energia para os próximos 3 anos. Ele também disse que o governo vai aplicar os padrões de segurança em energia nuclear mais rígidos do mundo, além de minimizar a dependência nuclear.

As informações são da rede NHK.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.